https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Os sonhos

 
Os sonhos, à noite, agarram-se às mãos
Escorrem pelos dedos e mancham o papel
Insistem em morder-nos a alma
E crescem, confusos, no horizonte
Existe uma espera capaz de mudar o mundo
Existe uma vontade inquieta de beijar as palavras
Escrevo os lábios e invento-lhes o sabor
Das frases que crescem neste livro que é a vida

O olhar encosta-se ao vazio do peito
Enquanto o abraço se faz a caminho da paz

Por vezes acho-me nas palavras dos poetas
… e faço-me poema.
 
Autor
Tália
Autor
 
Texto
Data
Leituras
1384
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
1 pontos
1
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
martims
Publicado: 21/09/2013 00:44  Atualizado: 21/09/2013 00:44
Colaborador
Usuário desde: 12/08/2013
Localidade:
Mensagens: 6753
 Re: Os sonhos
Existe a capacidade de fazer, de construir. Você faz isso muito bem, como mais esse magnifico poema.

O sonho é transmissão do pensamento, imagens, intenções, sentimentos, é feita de mente para mente de forma direta e clara, assim , quando um espírito quer dizer para o outro que " Eu te quero. Eu preciso de voê, um lindo sorriso", ele passa para a mente do outro a imagem de de seu sorriso, o que dá uma idéia muito mais clara do que a nossa forma de comunicação, e causa ao espírito que recebeu a mensagem a impressão de ter visto aquele sorrindo, embora a tenha apenas recebido.