Poemas -> Minimalistas : 

cata vento

 

lentamente
abocanhava
vento
sem sair do lugar
só pra ver
o tempo passar

entregue a movimentos
etéreos
desnotou acontecimentos
térreos

e foi na realidade
vaidosa e sedosa
que o tempo
passou o
olhar






poesia; minha palavra preferida

MarySSantos

 
Autor
MarysaSanches
 
Texto
Data
Leituras
941
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
10 pontos
2
0
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Vania Lopez
Publicado: 19/09/2013 03:53  Atualizado: 19/09/2013 03:53
Membro de honra
Usuário desde: 25/01/2009
Localidade: Pouso Alegre - MG
Mensagens: 18165
 Re: cata vento
quedei-me de joelhos em admiração. bjs