https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Amor : 

Nem poções de ousadia

 
Eu não quero falar de amor,
Nem falar da minha sensibilidade,
Eu não quero falar de dor,
Mas os termos incendeiam-se com liberdade.
.
Não vou verbalizar o meu sentir,
Porque não quero, não quero e não quero,
Nem tenho ânimo para admitir,
Eu não quero falar deste sentimento só por número,
Preciso de uma poção de ousadia,
Para falar de todo o meu sentimento por ti, neste dia.
.
E quantas poções, eu precisava?
Acho que nenhuma chegaria para dizer o primeiro carácter,
Da palavra amo-te é como colocar meu coração em lava,
E acomodar todo meu amor num cofre inacessível, só para não veres meu coração arder,
Desta vez não vou falar nem que Mundo se agite compulsivamente,
Mas irei esperar que um dia possas-me ler a mente.
.
By :Ana Carina Osório Relvas/A.C.O.R


A felicidade são pequenos sorrisos de determinados momentos
Ana Carina Osório Relvas/acor

https://acor13.blogspot.com/



 
Autor
A.C.O.R
Autor
 
Texto
Data
Leituras
647
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
2 pontos
2
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
martims
Publicado: 18/10/2013 21:44  Atualizado: 18/10/2013 21:44
Colaborador
Usuário desde: 12/08/2013
Localidade:
Mensagens: 6796
 Re: Nem poções de ousadia
SEU POEMA É MAGNIFICO, UMA MUSICA EM TONS TRISTES