https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Dois Lugares

 
Tags:  flores    cores    riacho  
 
Me dá um bom gosto
Ir ao jardim pela manhã
Sentir o perfume das flores pela manhã
Não há algo tão solene
Quanto uma manhã cheirosa
Raios solares se reflectindo sobre a pele
Lembro-me das flores da primavera
Daquele colorido diverso entre as flores
Que deixa os meus olhos em degelo
Uma bela paisagem por mim já vista
De cores dispersas aos assentos
O brotar de cada flor
Chama as obreiras abelhas
Pousam nelas e tiram o pólen
Para o fabrico do precioso mel
Do jardim,
ao lado se ouvia suspiros das águas Era um riacho…
Um riacho das águas cristalinas
Caindo sobre as pedras
Que escorrem a uma velocidade do vento
São dois lugares do relaxamento E de repouso


A Magia das Palavras


Egnancio Mboene

 
Autor
Egnancio
Autor
 
Texto
Data
Leituras
652
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
7 pontos
4
2
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Odairjsilva
Publicado: 25/06/2014 19:07  Atualizado: 25/06/2014 19:07
Membro de honra
Usuário desde: 18/06/2010
Localidade: Cáceres, MT
Mensagens: 2812
 Re: Dois Lugares
Lindo poema. Faz-nos imaginar esses lugares. Gostei imensamente. Parabéns pela inspiração!!!


Enviado por Tópico
rosa-branca
Publicado: 26/06/2014 13:44  Atualizado: 26/06/2014 13:44
Colaborador
Usuário desde: 24/05/2010
Localidade:
Mensagens: 739
 Re: Dois Lugares
Um poema, que é uma autêntica pintura de sentires. Adorei. Um abraço com carinho