https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

AMOR APRESSADO

 


Quando a conheci,
O amor visitou meu coração,
Mas estava com muita pressa,
Você mal me beijou,
O amor disse adeus e se retirou!
Às vezes, o amor é cruel,
Visita nosso coração,
Oferta-nos lábios de mel,
E, sem explicação,
Vai-se embora,
Deixando-nos como presente
O gosto amargo de fel!


Manoel De almeida

 
Autor
ManoelDeAlmeida
 
Texto
Data
Leituras
703
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
3 pontos
2
1
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Robertojun
Publicado: 02/07/2014 00:47  Atualizado: 02/07/2014 00:47
Colaborador
Usuário desde: 31/01/2014
Localidade: São Paulo
Mensagens: 2188
 Re: AMOR APRESSADO
Olá, ManoelDeAlmeida!

Lindo poema.

Parabéns !

Abraço,
Roberto Jun

Enviado por Tópico
martims
Publicado: 02/07/2014 11:23  Atualizado: 02/07/2014 11:23
Colaborador
Usuário desde: 12/08/2013
Localidade:
Mensagens: 6796
 Re: AMOR APRESSADO
O amor é um sentir que penetra me nossos olhor, encantando os corações, mas as veze nos deixa na amargura levando nossas emoções.