https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Amor : 

Realidade Metafísica

 
Tags:  Matéria-Prima  
 
Palavras são insuficientes
para suprir a tua ausência,
Neurónios nada pacientes
aceleram-me a consciência,
É evidência numa aparência
cristalina em espontaneidade,
Não suplica na diligência
e mostra a minha verdade,
Num descontrolo a vontade
não marcha, corre tísica,
para o pólo de atractividade
de uma realidade metafísica
E a meta é mais que física
há todo um mundo intelectual,
Na energia da biofísica
num espaço gravitacional,
Onde o meu sistema hormonal
desperta em voos borboleta,
Causados do início ao final
nos teus beijos violeta,
A técnica, nada obsoleta
faz da temporização pouca,
A tua língua é uma roleta
com um cubo gélido na boca,
Derrete a velocidade louca
fruto da nossa loucura,
Não quero ouvir a voz rouca
só o ruído da noite escura,
No mel, Duracell: ele dura
enquanto o batom desvanece,
E quando chegar a altura
que arrefece, nada fenece
Oxalá o apetite não cesse
num momento de escassez,
E o destino me enderece
para os teus lábios outra vez.

https://www.facebook.com/amateriaprima ... offset=0&total_comments=1

 
Autor
LuísDiogo
 
Texto
Data
Leituras
729
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
12 pontos
2
1
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Migueljaco
Publicado: 02/09/2014 22:29  Atualizado: 02/09/2014 22:29
Colaborador
Usuário desde: 23/06/2011
Localidade: Taubaté SP
Mensagens: 9801
 Re: Realidade Metafísica
Boa noite Luis, seus versos enredam uma cena em que duas almas afins se buscam em suas convergências mesmo aparando as arestas das suas diferenças, parabéns pelo contundente poema, MJ.