https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Rodas e Corroças

 
Precisava parar e mostrar minha genialidade pelos atos mais vulgares, entre eles a agressão gratuita. As crianças, ao pé do senhor velho, riam com ele, e eu declamava, reclamava, e por fim lhes dava aulas de como não ser feliz como eles.


,,,mas Deus gosta de ser assim também, na forma de Eu!

 
Autor
joakencor
Autor
 
Texto
Data
Leituras
297
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.