https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Madrugada

 
Tags:  solidão    madrugada    sombra  
 



Debruçada sobre madrugadas vazias,
Ausentes de pensamentos, rimas e sonhos,
Repouso sobre a esterilidade do nada;
Enlevo único entre sombras,
Restos de luz e matizes de solidão.

















Elizabeth F. de Oliveira

 
Autor
Elizabeth F de Olive
 
Texto
Data
Leituras
886
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
3 pontos
3
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Tânia Mara Camargo
Publicado: 01/02/2008 19:53  Atualizado: 01/02/2008 19:53
Colaborador
Usuário desde: 11/09/2007
Localidade:
Mensagens: 4246
 Re: Madrugada
Adoro temas assim, parabéns!!!!

Enviado por Tópico
Ledalge
Publicado: 01/02/2008 22:45  Atualizado: 01/02/2008 22:45
Colaborador
Usuário desde: 23/07/2007
Localidade: BRASIL
Mensagens: 6868
 Re: Madrugada
Adoro falar de solidão. Ela sempre é muito produtiva em versos. Os teus estão sublimes. Um beijo,Ledalge.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 02/02/2008 13:20  Atualizado: 02/02/2008 13:20
 Re: Madrugada
Restos de luz e matizes de solidão...gostei de ler...bj