https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Solidão - Cansaço

 
Solidão é cinza
silêncio, pó e nada,
solidão é gente,
à deriva, abandonada.

Solidão é ferida
ângustia e vaidade
é dor, lamento e culpa
numa teia de saudade.

Ai solidão - cansaço
que nos veste o coração
prende a vida a um regaço
numa dor pregada ao chão.


Ricardo Maria Louro
Algures pelo Alentejo. Em Trena.


Ser Poeta é exilio
num pais de condenados
um tormento infinito
de mil olhos rejeitados!

Ricardo Maria Louro

 
Autor
Ricky
Autor
 
Texto
Data
Leituras
208
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.