https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Amor : 

Amo-te, como se pode amar

 
Tags:  amar    corpos    templo  
 
Open in new window

Amo-te, como se pode amar.
Desejo-te como se pode desejar.
Quero-te como se pode querer.
Mas amo-te mais,
desejo-te mais...
quero-te mais,
muito mais que qualquer outro homem.

Que outro amará como eu te amo,
que outro vive respirando-te,
olhando-te, mesmo não te vendo?
Que outro vive sentindo o teu perfume,
mesmo que o não sinta presente?
Que outro vive imaginando-te?
Que outro vive sonhando-te?

Para que outro és o templo sagrado,
para a qual rezo todas as noites?
O tempo não me assusta, sou paciente,
aguardo ansiosamente o enlace dos corpos,
dos nossos templos sagrados, a fusão!

Acendo as velas do coração,
buscando nas profundezas desta alma rendida a ti,
a chama que alimenta este amor intemporal!

João Salvador - 01/03/2016


João Salvador

 
Autor
Salvador
Autor
 
Texto
Data
Leituras
1223
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
13 pontos
3
1
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
erro
Publicado: 04/03/2016 04:43  Atualizado: 04/03/2016 04:43
Colaborador
Usuário desde: 04/03/2016
Localidade:
Mensagens: 845
 Re: Amo-te, como se pode amar
Ama-se também sem saber das possibilidades.


Enviado por Tópico
Jmattos
Publicado: 06/03/2016 19:54  Atualizado: 06/03/2016 19:54
Colaborador
Usuário desde: 03/09/2012
Localidade:
Mensagens: 17057
 Re: Amo-te, como se pode amar
Parabéns Poeta
Perfeito! Favoritei!
Beijos!
Janna