https://www.poetris.com/
 
Fados : 

Amor e Solidão

 
Na minha voz há um segredo
que não conto por ter medo
que não conto por te amar;
meu amor não é vaidade
meu amor é da saudade
que trago em mim do teu olhar.

No meu corpo há um cansaço
uma dor que quando passo
ninguém fica indiferente;
uma dor que se desprende
que ali mesmo até se prende
ao olhar de toda a gente!

No meu peito vai o teu rosto
na minha boca o teu gosto
levo em mim esta paixão;
nosso amor que se perdia
ao sabor de um triste dia
não foi amor, foi solidão.


Ricardo Maria Louro


Ser Poeta é exilio
num pais de condenados
um tormento infinito
de mil olhos rejeitados!

Ricardo Maria Louro

 
Autor
Ricky
Autor
 
Texto
Data
Leituras
307
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.