https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Desilusão : 

TRAIÇÃO

 
Tu que lamentas a vida
Pensas que já está perdida
E vives sem qualquer razão
Choras por um golpe de amor
Dado por uma mulher sem louvor
Que feriu teu coração

Foi um casamento destruído
Lindos momentos vividos
Debaixo do mesmo lar
Foi o fim de tantos sarilhos
Tristezas para os teus filhos
À espera do pai chegar

Foste a mulher que amei
Muito carinho te dei
E não soubeste aproveitar
Iludiste-te com falso amor
Por palavras de um traidor
Que te está a desgraçar

Não chores de arrependimento
Lembra-te do meu sofrimento
E da vergonha que passei
O amor que destruíste
Corações que feriste
Nunca mais esquecerei

Teus filhos pedem-me para voltar

Já pediram a chorar
Que querem um amor de pai
Eu a chorar respondi
A vossa mãe eu perdi
Para casa o pai não vai.

Não te desejo mal
Pois não sou um animal
Que não tem coração
Só peço que ames meus filhos
Não lhes arranjes mais sarilhos
Porque para mim já não
Tens perdão.


Nota do autor:
Este poema faz parte do meu livro "Relatos de uma vida"

 
Autor
Paulo Silva
 
Texto
Data
Leituras
1737
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
4 pontos
4
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 02/03/2008 21:49  Atualizado: 02/03/2008 21:49
 Re: TRAIÇÃO
Olá poeta, eu queria te falar algo que achei estranho no seus versos "teus filhos pedem-me pra voltar"? Os filhos é só dela? São órfãos? Não tem pai? Vc poderia me explicar?



Enviado por Tópico
Carolina
Publicado: 02/03/2008 23:03  Atualizado: 02/03/2008 23:03
Colaborador
Usuário desde: 04/07/2007
Localidade: Porto
Mensagens: 3535
 Re: TRAIÇÃO
Infelizmente, cada vez mais
acontecem situações destas.
Que dizer? Não sei...
Apenas tens que seguir em frente,
amando os teus filhos ainda mais,
porque não têm culpa de nada.

Felicidades

Carolina