https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Fiz-me amanhecer quando a noite acercou-se de ti

 


Fiz-me amanhecer quando a noite acercou-se de ti,
para que soubesses que sempre terias apoio,
um ombro no qual pudesses recostar a cabeça,
confiando-me teus íntimos sonhos mais ousados.
Aqui poderias inclinar os ombros e descansar,
tua dor acalmar-se-ia na profusão das madeixas,
amainaria teu sofrimento, ouviria as tuas queixas,
da minha boca não exalaria um só sequer lamento.

E fiz-me anoitecer quando, um dia, te afastaste,
como o luar meus olhos brilharam na noite profunda,
para que soubesses que sempre haverá um caminho,
no final do qual sempre encontrarás refúgio e abrigo;
para tuas dores sempre... sempre encontrarás ombro amigo.

 
Autor
Phalaenopsis
 
Texto
Data
Leituras
445
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
14 pontos
2
2
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 23/07/2016 19:11  Atualizado: 23/07/2016 19:11
 Re: Fiz-me amanhecer quando a noite acercou-se de ti
*De um imenso e terno significado ser amanhecer e anoitecer para alguém.
Tocante. Alcançou-me.
Abraçoka*

Enviado por Tópico
Jmattos
Publicado: 23/07/2016 19:25  Atualizado: 23/07/2016 19:25
Colaborador
Usuário desde: 03/09/2012
Localidade:
Mensagens: 17729
 Re: Fiz-me amanhecer quando a noite acercou-se de ti
Lindo!