https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Relacionamentos : 

não embruteço com a tua solidez

 

de amarelo desmaiado
-
tal e qual aquele
insinuado
entre nuvens invernosas
d' alvorada
-
pensando estar
dourado
veio
às mãos do
garimpeiro
sapiente calejada
d' extrair da pedra
bruta mais brilho
do que lhe foi
incrustado.

do breu
cavernoso
mostrando
lascas pontiagudas
ferinas
mal talhadas
o veio
veio
de corpo inteiro
pra tudo
ser lapidado .














O que, às paredes, confesso.

 
Autor
MarySSantos
 
Texto
Data
Leituras
288
Favoritos
2
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
30 pontos
6
4
2
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 30/06/2017 23:56  Atualizado: 30/06/2017 23:56
 Re: não embruteço com a tua solidez
de lascas se fazem polidas jóias, e também se entalham lápides

olhos brilham aqui

Enviado por Tópico
Rogério Beça
Publicado: 01/07/2017 04:26  Atualizado: 01/07/2017 04:26
Colaborador
Usuário desde: 06/11/2007
Localidade:
Mensagens: 1598
 Re: não embruteço com a tua solidez
"...o veio/ veio/de corpo inteiro..."
Tenho andado fascinado com aliterações. E esta veio ainda pejada de ambiguidade.
A ambiguidade é um defeito da linguagem. Li numa gramática com 40 anos. Acho que devia ser figura de estilo também. Gosto muito.

O que me trouxe ao comentário foi a última palavra.
Lapidar tanto pode ser entalhar uma pedra preciosa, apedrejar e pôr uma lápide, ou condenar à morte. Fico indeciso em o que escolher para o teu caso.

Espero que, assim como o sol, brilhe mais no fim do que no início da lapidação.

Gostei

Enviado por Tópico
Juanito
Publicado: 01/07/2017 22:01  Atualizado: 01/07/2017 22:01
Colaborador
Usuário desde: 26/12/2016
Localidade: España
Mensagens: 2662
 Re: não embruteço com a tua solidez
Magnífico poema!!

Gostei muito; meus parabéns!!

Um abraço.
Juan

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 03/07/2017 14:13  Atualizado: 03/07/2017 14:13
 Re: não embruteço com a tua solidez
o tempo só faz abrilhantar e formar no poema suas pedras brilhantes. Parabéns.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 04/07/2017 18:07  Atualizado: 04/07/2017 18:07
 Re: não embruteço com a tua solidez
Uma forma abrilhantada de nos deixar, em sua escrita, o dom maravilhoso da poesia!

Beijo,

Anggela

Enviado por Tópico
Dream
Publicado: 04/07/2017 18:34  Atualizado: 04/07/2017 18:34
Super Participativo
Usuário desde: 20/03/2015
Localidade:
Mensagens: 130
 Re: não embruteço com a tua solidez
Muito bonito, parabéns.