https://www.poetris.com/
Poemas : 

PSICOLOGISMO MODERNO

 

PSICOLOGISMO MODERNO

Meu ID era sossegado, más nem tanto...
Vigiado por meu EGO que gostava
De ditar comportamentos e falava:
"Pecar às vezes tem certo encanto..."

Mas o meu SUPEREGO era vigilante
Conservador como alguém da Opus Dei
Que até hoje não entendo, não sei
Como meu viver foi tão interessante

O ID inventava ,o EGO burilava, polia
E pelo SUPEREGO era encaminhado
Para a caixa dos sonhos onde um dia
Seria apenas um tolo sonho sonhado

O que restou? Sonhos de Amor, Paixão
Castos, Tolos, indecentes? Qual a razão?

Pedro Paulo da Gama Bentes 2017-11-18



 
Autor
PedroPauloGamaBentes
 
Texto
Data
Leituras
127
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.