https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Reflexão : 

Amor de causos

 
Causos causam terríveis sonhos.
Pesadelos, talvez que nem a maré.
Estava navegando e veio a lama,
Tão nojenta no mar de Ipanema.
Tudo real!
Naturalmente é o descaso.
Poluição real, manisfesta entre as frestas.
Fresca paisagem de sol.
Céu azul lambendo o mar das encostas,
Gostas?
Vem lamber de amor o carnaval,
Aproxima e deixa a peteca cair, de sol a sol,
Vamos cortando as árvores e derrubando todos os critérios!
Fala sério!
Siga a seta do juízo final
Nunca deixe de se manifestar
Amor sempre resta,
No lixo imundo desse submundo chamado,
Brasil.






Diana Balis

Diana Balis
Rio de Janeiro, 30 de janeiro de 2019.
 
Autor
DianaBalis
 
Texto
Data
Leituras
1260
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.