https://www.poetris.com/
Poemas : 

LETAL

 
Tags:  poema    poesia    poeta    Tiago malta    Grimorium    vers  
 
LETAL
 
Em estouro da manada, esse não será nosso fim.
Somos cobaias!
Inoculado direto na espinha dorsal,
Injeção de realidade sem palavras cicatrizantes
Não importa o grau da mentira
Só quero sabre o que você olha quando vê o espelho.

Não assobie depois de meia noite,
Espere mais um pouco que já vai amanhecer
Descubra que a verdade não tem começo nem fim,
Ela é mutante.

A morte seletiva,
Morrer para alguns,
Então viver melhor.
E agora? Como fica sua cara no espelho?

Quando as cortinas fecharem e for a troca de cenário,
Mocinha, tasque um beijo no vilão,
Corra de volta ao palco.
E quando da peça acabar e as cortinas se fecharem de vez
Conclua que a morte não foi letal.


Vamos Unir nossos Poderes

Este Poema faz parte do Livro Grimorium livro de Tiago Malta que você pode ler online pelo Issuu.com ou pelo scribd.com ou comprar a versão online pela Amazon. A versão "física" será distribuída em formato de disquete, pelo valor de R$10,00 (Dez Reais) mais o frete. É só fazer o pedido diretamente pelo nosso e-mail nacaraecoragem@yahoo.com.br - Nesta versão Além do e-book você receberá 3 músicas da Aparelhagem Malk Espanca inéditas. E para quem optar por esse formato também enviarei o conteúdo do disquete por e-mail.
 
Autor
OTiagoM
Autor
 
Texto
Data
Leituras
39
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.