https://www.poetris.com/
 
Sonetos : 

Noite de chuva

 
Tags:  noite    sono    filme    sala    televisão    colchão.  
 
Noite de chuva

Enquanto essa noite cai lá fora
Cai a chuva em nosso telhado
Sentimos saudade de outrora
Assistindo um filme do passado

Sentado em nossas poltronas
Vemos esse filme na televisão
Retratando as noite e monas*
Envolvendo enorme confusão

Ao meio do filme me dá sono
No momento a sala abandono
Para ir deitar no meu colchão

A chuva cai e meu sono embala
Melhor dormir que ficar na sala
O sono é real e o filme é ficção.

Jmd/Maringá, 01.06.19

monas: embriaguez


verde

* embriagados
 
Autor
João Marino Delize
 
Texto
Data
Leituras
270
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.