https://www.poetris.com/
 
Sonetos : 

Desconhecida

 
Tags:  sonho    flores    dilema    galáxia  
 
Desconhecida

Tenho um sonho que é muito constante
De uma pessoa que somente me quer
Esta visão me chega quase penetrante
E talvez nessa vida seja a única mulher

Só ela entende o meu ser transparente
Mas para eu passou a ser um problema
Por ela existir somente em minha mente
Eu não sei como solucionar esse dilema

Ela vem e se apresenta em várias cores
Tem um perfume que lembra as flores
Quando se desabrocham na primavera

Tudo o que ela faz é com muita eficácia
Eu acho que ela vem de outra galáxia
Ou de um mundo perfeito de quimera.

jmd/Maringá, 18.06.19


verde

 
Autor
João Marino Delize
 
Texto
Data
Leituras
238
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
1 pontos
1
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Joel-Matos
Publicado: 19/06/2019 15:13  Atualizado: 19/06/2019 15:13
Subscritor
Usuário desde: 24/02/2017
Localidade: Azeitão/Setúbal, Portugal
Mensagens: 1950
 Re: Desconhecida
boa poesia a tua, os meus parabéns