https://www.poetris.com/
Poemas : 

CENTELHA 51-Tempo Real

 
CENTELHA 51
Tempo Real

O único tempo real é o agora.
O tempo é uma sucessão de agoras.
Aprisionamos o tempo em pinturas, fotos, filmes e documentos.
Na verdade, aprisionamos o agora.
O que acontecia em um momento.
O que estava ali.
Não o que passou, mas o que estava acontecendo.
Não o que estava acontecendo, mas o que era possível captar pelas máquinas, pinturas, documentos.
O tempo idealizado, captado pela mente e lembrado no agora é apenas a ilusão do acontecido.
Relido, lapidado e moldado no agora.
Então, temos a ilusão de lembrar do real.
Sua lembrança não é o real.
É apenas o que acredita que um dia foi “o real”.
Viva no agora porque só ele é.
Tudo mais é ilusão.
(Irmão Paulo de Paz).

 
Autor
PROTEUS
Autor
 
Texto
Data
Leituras
63
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.