https://www.poetris.com/
Poemas -> Góticos : 

Repouso

 
Tags:  morte  
 
Vestida de uma veste letal
Se apresenta sem pedir licença
Lúgubre dona da noite casual
De manhã segue sua sentença,

O homem não pode vencer;
Desfila sorrateira a procura
De quem possa tragar emudecer
Adornada de um véu negro segura.

Vem e envolve num laço,  traça
O caminho da volta num pouso
Invisivel que, em sua frente passa
fenece,  em flutuante repouso.

Mary Jun
26. 03. 2. 020



Open in new window


Mary Jun

 
Autor
Maryjun
Autor
 
Texto
Data
Leituras
94
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
2 pontos
2
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Gyl
Publicado: 27/05/2020 17:28  Atualizado: 27/05/2020 17:28
Membro de honra
Usuário desde: 08/08/2009
Localidade: Brasil
Mensagens: 15483
 Re: Repouso
E assim meus olhos fizeram repouso em seus vorazes versos, poetisa!