https://www.poetris.com/
 
Prosas Poéticas : 

Que batais vós, à porta do céu

 
Open in new window

Não, não…
Se um dia dizer não,
A um abraço
A uma mão estendida
A um beijo fraterno;
Levai-me ao Santo Padre,
Pra que amanse
O diabo que há em mim.
Não, não…
Se um dia for anti -sorriso,
Anti -pedido de socorro
Dum olhar aflito;
Que batais vós, à porta do céu,
Como um dia jesus batera
Pra salvar almas pecadoras.
Não, não…
Se um dia não souber distinguir
O mal e bem,
A verdade e a mentira;
Chamai-me de Satanás,
Pai de todos os pecadores.
Não, não…
Se tudo isso não acontecer
Nas curvas da vida vencida,
Ou nas esquinas da vida
Que ainda tenho pra vencer,
Não coloquem espinhos
No meu caminho.

Adelino Gomes-nhaca


Adelino Gomes

 
Autor
Upanhaca
Autor
 
Texto
Data
Leituras
270
Favoritos
2
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
24 pontos
2
3
2
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Upanhaca
Publicado: 19/06/2020 09:56  Atualizado: 19/06/2020 09:56
Colaborador
Usuário desde: 21/01/2015
Localidade: Sol Poente
Mensagens: 6791
 Re: Que batais vós, à porta do céu
E quando a porta do céu se abre...
Tantas almas quererão passar por ela.

Enviado por Tópico
Migueljaco
Publicado: 26/06/2020 02:07  Atualizado: 26/06/2020 02:07
Colaborador
Usuário desde: 23/06/2011
Localidade: Taubaté SP
Mensagens: 9566
 Re: Que batais vós, à porta do céu
Boa noite Upanhaca, parabéns pelos vossos inspiradores versos, invocando o valor da solidariedade na vida humana, um abraço, MJ.