https://www.poetris.com/
Poemas -> Desilusão : 

Para onde

 
Tags:  universo    manhã  
 
Open in new window
Onde minha alegria está?
Eu pergunto e, ninguém responde
O meu vestido de tafetá
Me diga onde?

Olho os cantos, olho o céu
Percorro o caminho inverso
Tão distante há um véu
Cobrindo todo o universo.

Abraço o vento
Sinto o orvalho da manhã
O poema que invento
O perfume das flores e das maçãs.

Nereida.

 
Autor
nereida
Autor
 
Texto
Data
Leituras
51
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
18 pontos
4
3
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Juanito
Publicado: 28/06/2020 23:29  Atualizado: 28/06/2020 23:29
Colaborador
Usuário desde: 26/12/2016
Localidade: España
Mensagens: 2804
 Re: Para onde
Siempre habrá algo que merezca la pena. El orvallo de la mañana seguro que reconforta.

Besos!!


Enviado por Tópico
IsabelRFonseca
Publicado: 29/06/2020 13:35  Atualizado: 29/06/2020 13:35
Colaborador
Usuário desde: 25/05/2013
Localidade:
Mensagens: 3132
 Re: Para onde


Minha querida poetisa há dias assim
mas a esperança volta a nascer em toda a beleza
que a natureza nos dá
Já os nossos filhos fazem-nos ver
que todo o sofrimento é passageiro
e alegria voltar a nascer como uma bela flor


beijos poetisa Nereida

🌹