https://www.poetris.com/
Poemas -> Desilusão : 

Quem sabe?

 


Queria poder expressar
Nesta folha de papel
Ou, quem sabe, no seu coração.
Toda a angustia
Toda a tristeza
Que me traz essa solidão.
Mas não existe forma,
Nem mesmo palavras
Que expressem a minha dor.
O peito bate muito lentamente
Quase que indolente
A mágoa de um grande amor.

Amor, este, que dediquei a você
Quase que totalmente a minha alma
Mas que você não retribuiu.
Então o coração foi invadido
Pelo vento da indiferença
E, nem por um momento, jamais sorriu.
Agora vago por este universo
A procura daquela flor
Que ira desabrochar em um chão de giz.
Ela será a mais linda e maravilhosa
E irá me fazer esquecer
Alguém que não soube me fazer feliz.

Poema: Odair José, Poeta Cacerense

 
Autor
Odairjsilva
 
Texto
Data
Leituras
93
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
2 pontos
2
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Mr.Sergius
Publicado: 01/10/2020 00:22  Atualizado: 01/10/2020 00:22
Da casa!
Usuário desde: 14/08/2018
Localidade:
Mensagens: 290
 Re: Quem sabe?
Para todo amor não correspondido, haverá outro amor que nos fará realizados, como a roda da carruagem ora em baixo na lama, ora no alto na chuva fresca...