https://www.poetris.com/
Sonetos : 

Traz-me

 
Tags:  coração    alegria    noite    sombras    ILUSÃO.  
 
Open in new window

Traz-me

Traz-me um pouco das sombras serenas
Que as nuvens transportam no fim do dia
Eu quero um pouco de sombra, apenas
Vê que não te peço alegria

Traz-me um pouco da alvura dos luares
Que a noite sustenta o teu coração
A alvura e a serenidade dos ares
Vê que não te peço ilusão

Traz-me um pouco de tua lembrança
Aroma perdido, saudade da flor
Vê que nem te digo, esperança

Traz-me uma gota dos teus perfumes
O resto divida com quem quiseres
Vê que nem tenho ciúmes

Jmd/Maringá, 26.05.09

Inspirado no Poema "Traze-me" de Cecilia Meireles


verde

 
Autor
João Marino Delize
 
Texto
Data
Leituras
58
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
2 pontos
0
1
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.