https://www.poetris.com/
 
Prosas Poéticas : 

Namoro e violência

 
Open in new window

Ó deusa do amor!
Venha donde estiver,
E derrame seu suco d'amor
Nestes sofridos jardins,
Onde sou jardineiro
E guardião dos namorados.
Venha daí…
O amor que vejo,
Já não é o que era:
Beijos sofridos;
Beijos fingidos;
Abraços frouxos;
Violência à solta;
Sorrisos apagados;
Divórcios e lágrimas.
Ó deusa do amor!
Venha, e traga sacola d’amor,
Já estou cansado de podar
Rosas murchas pelas amargas,
Lágrimas, que enlutam jardins
Nas tardes de namoro.
Ó deusa do amor!
Venha repor felicidade
Nestes jardins de romance,
Que já viram tantos nós feitos
E desfeitos, após juras no altar,
Onde se jurara eternamente amar,
Na dor ou na alegria,
Na saúde ou na doença…
Venha daí, deusa do amor!
Antes que os jardins se tornem
Em santuários do desamor.

Adelino Gomes-nhaca


Adelino Gomes

 
Autor
Upanhaca
Autor
 
Texto
Data
Leituras
252
Favoritos
2
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
31 pontos
5
5
2
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Upanhaca
Publicado: 15/05/2021 21:58  Atualizado: 15/05/2021 21:58
Colaborador
Usuário desde: 21/01/2015
Localidade: Sol Poente
Mensagens: 7069
 Re: Namoro e violência
O namoro já não é tão romântico
Como nos tempos idos, onde
Os afetos eram tão maduros e puros,
Onde os beijos eram tão doces,
Como a doce fuba da vóvó Chica.
O namoro já não é o que era...

Enviado por Tópico
Marineuza
Publicado: 16/05/2021 15:51  Atualizado: 16/05/2021 15:51
Da casa!
Usuário desde: 08/04/2020
Localidade: Almada
Mensagens: 324
 Re: Namoro e violência
Olá Adelino

Existe muitos casos de violência no namoro. Infelizmente.
Gostei do seu poema.

Abraço


Enviado por Tópico
Legan
Publicado: 17/05/2021 09:23  Atualizado: 17/05/2021 09:23
Colaborador
Usuário desde: 26/01/2010
Localidade: Algures em Trás-os-Montes
Mensagens: 539
 Re: Namoro e violência
Infelizmente há muitos episódios de violência física e mental no namoro e no casamento.


Abraço