https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Os teus cabelos

 
A cheirosa cor dos teus cabelos
Dá-me vontade de lhes enfiar os dedos,
De lhes entrançar os olhos e vê-los
Corar na almofada quando quedos.

O luzidio cheiro que deles vem
Dá-me fome de os afagar,
De gastar tudo o que um homem tem
Em coisas de amar.

Sinto quando lhes toco
Que não consigo pôr tudo num texto,
Que ao tentar dizer tudo, digo pouco
E que me fica sempre a faltar o resto.

Valdevinoxis


Nas troikas não há camaradas e da camaradagem não nascem troikas.


 
Autor
Valdevinoxis
 
Texto
Data
Leituras
4115
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
2 pontos
2
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Junior A.
Publicado: 09/02/2007 00:23  Atualizado: 09/02/2007 00:23
Colaborador
Usuário desde: 22/02/2006
Localidade: Mg
Mensagens: 894
 Re: Os teus cabelos
Aí, me acometeste de inveja,
Por em tal enredo não pensar
Doido, para invés de poema
Pegar as notas, e sonetar.

Ficaria marilhoso vê-lo em soneto.
Caso possa ainda mais o ser.

Mui bueno amigo e poeta.
Tenho aprendido muito ao ler-te.

Enviado por Tópico
ângelaLugo
Publicado: 09/02/2007 05:23  Atualizado: 09/02/2007 05:25
Colaborador
Usuário desde: 04/09/2006
Localidade: São Paulo - Brasil
Mensagens: 14956
Online!
 Re: Os teus cabelos p/ Valdevinoxis
Oh! Luzido cheiro que deles vem !!!
Poeta como muitas vezes é difícil colocar
em letras certas para quem amamos que até seus cabelos dá fome de os afagar...
Belo poema!!!!Amei deveras!!!
Beijinhos na alma