https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Desilusão : 

Agora estou assim...

 
Agora estou assim, cheia de esperas,
contando cada segundo para tudo isso que ainda magoa, passe logo!
Com o olhar perdido no ontem, no amanhã,
no sol, na chuva que não tem como evitar chegar...
Também desejando que eu tenha força de ter algum direito sobre mim,
para não ter vontade de voltar atrás,
ou dar de cara com o que tanto ainda me faz sentir coisas que prefiro guardar numa caixa de lembranças.
Torcendo com toda vontade para ter menos medo e receio de que isso nunca irá embora de meu coração.
Estou assim, fraca e vulnerável...
Sentindo cada vez mais a porta se fechar quando antes era aberta,
hoje só resta uma fresta por onde ainda passa um fio de luz, para que eu possa tatear no escuro e me guiar segurando nas paredes,
não sentindo o chão sob os meus pés,
perdida e encolhida em um canto qualquer, tentando encontrar ar para respirar,
e não perder o fôlego que ainda teima em me manter respirando.
E os olhos, já tão pálidos projetam na memória os momentos que antes davam tanto brilho e cores a tudo que havia em seu exterior...
As horas que se estendem em demasia,
me engana para que eu pense que são curtas, iludindo que elas já se foram a tempos,
quando na verdade percebo que ainda falta muito para o tanto de distância que separa o fim do começo.
Distância essa que não tenho como reter ou fugir dela.
Não depois dos riscos que corri ao experimentar o quão é difícil desistir de estar junto de quem se ama.
Estou assim agora, eu comigo e com as palavras, calada sem poder falar o que sinto,
pois não terá quem me ouça, mesmo que esteja em meio a multidão.


Simone Henrique 🌹

 
Autor
Loba.Solitária
 
Texto
Data
Leituras
206
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
1 pontos
1
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
martisns
Publicado: 22/05/2022 11:07  Atualizado: 22/05/2022 11:07
Colaborador
Usuário desde: 13/07/2010
Localidade:
Mensagens: 29767
 Re: Agora estou assim...
Sua poesia traduz o desencanto da vida que acontece com muita gente nessa vida ativa, relatada de um jeito amargo, regado por uma solidão, que chora no coração