https://www.poetris.com/
Poemas : 

Versões

 
Tags:  poemas    mundo    social    louco    poluição    ambição    anormal  
 
Assumo: sou louco...
Não consigo engajar-me
nesse “meio social”...
Sou um cara anormal.

Assisto o mundo se descabelar,
por pura ambição...
O progresso, ao meu ver,
só traz poluição...

Então assumo que sou louco.
O amor que vocês sentem,
para mim é pouco.
Eu amo demais...

Vamos voltar atrás:
Os chamados “selvagens”,
só foram assim considerados,
pelos “civilizados”.

Quem escravizou quem?
Quem destruiu quem?
Quem massacrou, humilhou,
roubou e matou quem?

Quem escreveu esta história,
faz parte de qual “mundo”?
Eu li, eu vejo,
eu sei discernir...

Hoje estou aqui,
quando não gostaria de estar...
Se eu gritar,
ninguém irá me ouvir.
As pessoas não querem mudar...

Sou um louco...
E o mundo caminha
ao contrário de mim.

A.J. Cardiais
19.11.2009


Um poeta, um sonhador, um buscador, um hippie, um Anarquista... Sei lá! Um vagabundo, tentando melhorar o mundo.Open in new window

 
Autor
AJ_Cardiais
 
Texto
Data
Leituras
120
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
5 pontos
3
1
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Jmattos
Publicado: 23/05/2022 19:03  Atualizado: 23/05/2022 19:03
Colaborador
Usuário desde: 03/09/2012
Localidade:
Mensagens: 17655
 Re: Versões
Poeta
Excelente para reflexão!
Parabéns!
Abraço!
Janna


Enviado por Tópico
martisns
Publicado: 25/05/2022 08:12  Atualizado: 25/05/2022 08:12
Colaborador
Usuário desde: 13/07/2010
Localidade:
Mensagens: 29767
 Re: Versões
Esse mundo tão louco deixa o nosso ser ainda mais louco, onde as vezes o sentido da vida para com a vida perde a sua essência em um desprazer insano