https://www.poetris.com/
Poemas : 

Sem movimentos

 
 
Hoje entendo esse teu capricho de mulher
que procurava uma estabilidade
um emprego
um consolo
e não um sentimento.
A urgência
era tão urgente
que não poderias saber esperar
um não movimento.
Ali eu não passaria de
Uma mera solução
egoísta
sem vida própria,
sem passado,
que apenas te
Enciumou,
Importunou
e fez algum prurido.
Fácil de desdenhar
A qualquer altura

As asas de um copo para o caixão
Da tua insatisfação
perfeita,
sempre permanente
Procurando ser gente.

 
Autor
Abissal
Autor
 
Texto
Data
Leituras
200
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
4 pontos
2
1
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
ALFA
Publicado: 29/11/2022 20:55  Atualizado: 29/11/2022 20:55
Colaborador
Usuário desde: 14/04/2015
Localidade:
Mensagens: 1393
 Re: Sem movimentos
A vida nem sempre é o que se quer
Por vezes vadia por águas revoltas
Tanto poderá ser homem ou mulher
Passando o tempo, em reviravoltas!