Poemas -> Solidão : 

Nada!

 
Tags:  solidão    pensamento    futuro    madrugada    mendigo  
 
ouço cantar um pássaro com ternura
inocente,
na árvore que despe a folhagem,
quebrando o frio silêncio, indiferente
que eu apresse a marcha da viagem

no pensamento traço o fio
do futuro
funda é a solidão, e o mundo
escuro.

sinto o frio do mendigo
visitante que em mim perdura,
e a solidão a ferir com secura

ver a noite cair e,
logo virá a luz da madrugada
vou sentir sombrio ardor.

Nada! A não ser do canto dos pássaros
o fragor.

natalia nuno


Na plenitude da felicidade, cada dia é uma vida inteira.
Johann Wolfgang Von Goethe



 
Autor
rosafogo
Autor
 
Texto
Data
Leituras
556
Favoritos
2
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
30 pontos
8
3
2
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Abissal
Publicado: 25/02/2024 14:45  Atualizado: 25/02/2024 14:45
Membro de honra
Usuário desde: 27/10/2021
Localidade:
Mensagens: 554
 Re: Nada!
Gostei da leitura como sempre.
Existe sempre uma esperança, mesmo que seja pequena, quando nos canta a primavera, assim sinto os teus lindos poemas.

Um abraço, amiga e bom domingo.


Enviado por Tópico
Al-kakanj
Publicado: 25/02/2024 23:30  Atualizado: 25/02/2024 23:30
Membro de honra
Usuário desde: 02/06/2020
Localidade:
Mensagens: 96
 Re: Nada!/ para a Natália
O seu canto na poesia é tão belo como o pássaro piando ternura de que fala no seu maravilhoso poema ...

É isso que a sua poesia nos marca, com a ternura e delicadeza!

Obrigado por continuar a escrever suavidades ao relento como este texto, querida Natália!

Um abraço



Open in new window


Enviado por Tópico
Alpha
Publicado: 27/02/2024 12:24  Atualizado: 27/02/2024 12:24
Membro de honra
Usuário desde: 14/04/2015
Localidade:
Mensagens: 1898
 Re: Nada!
Olá Natália

Um pássaro pode fazer a diferença
Seu cantar faz despertar sentidos
Para que o pulsar da vida prevaleça
Por entre todos os seus coloridos!

Um nada, poderá ser tudo. Depende do ângulo com que o olharmos!

Beijinho


Enviado por Tópico
Aline Lima
Publicado: 27/02/2024 16:55  Atualizado: 27/02/2024 16:55
Usuário desde: 02/04/2012
Localidade: Brasília- Brasil
Mensagens: 591
 Re: Nada! para Rosafogo
Querida Rosafogo,

Seu poema sugere uma poderosa sensação de contemplação e resignação diante das complexidades da experiência humana. Sua capacidade de transmitir emoções complexas é verdadeiramente notável. A maneira como você descreve a solidão e a incerteza em relação ao futuro é tocante. Gostei especialmente como você contrasta o canto inocente do pássaro com o frio silêncio da madrugada.
Gostei muito, minha amiga.
Beijos,
Aline.