https://www.poetris.com/
Poemas -> Introspecção : 

Febre da Bola

 
Eu ressaco
Eu ressaco
Eu ressaco da bola
E anos a pensar que era da jola

Eu ressaco
Eu ressaco
Eu ressaco da bola,
Nem sabes o que se passa na tola

Eu ressaco
Eu ressaco
Eu ressaco da bola,
Só meus pares compreendem o amor à camisola


Não sou nada
Nem ninguém
Mas tento ser
Humildemente eu!!!

 
Autor
sisnando
Autor
 
Texto
Data
Leituras
155
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
4 pontos
2
1
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Onde_está_o_@mor?
Publicado: 27/10/2023 18:31  Atualizado: 27/10/2023 18:31
Membro de honra
Usuário desde: 25/05/2013
Localidade: Funcheira
Mensagens: 738
 Re: Febre da Bola
Compadri venha cá á fFuncheira tomar um medronhe aqui comigue e co Xico Barata. A genti vamos sempre á tasca ver o Benfica. Tá convidade.
abraço