https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Saudade : 

PORTO DA SAUDADE

 


PORTO DA SAUDADE

Passeando aqui pelo cais
relembrando voce estou,
meu corpo, que não vive mais
a pouco, por voce chorou.

Aqui nesse porto desse rio
foi, que voce me abandonou,
sem me dizer adeus, partiu
so sua saudade, aqui ficou.

Lágrimas dos meus olhos caiu
quando ja longe te avistou,
esperei o retorno de seu navio
mas com ele, voce não voltou.

As margens, e a imensidão
se uniu, com quem esperou,
que traz o luto no coração
que com voce tanto sonhou.

Mares que não tem fim
que vejo desse cais tão deserto,
so tristeza trouxe pra mim
mas e de onde, te sinto tão perto.

Distante margem da solidão
que quase não posso avistar,
diga, por que meu coração
nunca cansa de te esperar?











GIL DE OLIVE

 
Autor
gil de olive
 
Texto
Data
Leituras
666
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
3 pontos
3
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 23/05/2008 21:18  Atualizado: 23/05/2008 21:18
 Re: PORTO DA SAUDADE
Caro poeta Gil! depois do bonitinho eu tinha que vir agradecer! obrigada! e o seu tbém é uma gracinha! Deu até para sentir a brisa do vento e o barulho do mar! Menos o navio aportar! Parabéns! abçs fratenos!

Enviado por Tópico
Tânia Mara Camargo
Publicado: 23/05/2008 23:00  Atualizado: 23/05/2008 23:00
Colaborador
Usuário desde: 11/09/2007
Localidade:
Mensagens: 4263
 Re: PORTO DA SAUDADE
Na vida há amores que nunca nos esquecemos.
Belo poetar! Beijos!

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 24/05/2008 06:21  Atualizado: 24/05/2008 06:21
 Re: PORTO DA SAUDADE
Olá Gil
Há saudades inconsoláveis, tal como maravilhosamente nos descrevem as suas belas palavras.
Bjs