https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Amor : 

Azul

 
Azul

Penso-te em princípios de azul, agora que parece que regressaste,
embora só parte de ti se dê
em momentos de puro magnetismo,
embora pareças flutuar no meu dia a dia em que te desejo e sinto trémulo
e ao mesmo tempo seguro, indestrutível,
as tuas mãos nas minhas, o teu olhar que me trespassa e me eleva…
...sabes-me sempre a pouco
e neste momento desejava estar contigo por aí,
num passeio sem regresso,
alguma música, velocidade, o teu olhar em mim
e eu sem saber que fazer com o que sinto,
esta leveza e transe em que fico, quando me olhas,
o prazer quando me tocas,
esta alegria sem fim,
por saber que me pensas e que me queres…

A tua voz acalma-me numa tranquilidade quase celestial.

Mas não sei se sentes como eu,
eu que adormeço a pensar-te
e acordo a tentar esquecer-te no dia a dia sem horas,
quando não sei de ti,
nas madrugadas tardias em que a tua imagem se recorta incerta, no meu tentar adormecer.

Então escrevo-te, para libertar em palavras o que não consigo em lágrimas.

E sem saber esperar, aguardo-te.


Luna

 
Autor
luna1
Autor
 
Texto
Data
Leituras
733
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
3 pontos
3
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
VónyFerreira
Publicado: 02/07/2008 16:12  Atualizado: 02/07/2008 16:12
Membro de honra
Usuário desde: 14/05/2008
Localidade: Leiria
Mensagens: 9702
 Re: Azul
Porque nos apaixonamos assim tão arrebatadamente
quando esse amor (espremendo-o) nos sentidos, mais não é do que momentos de melancolia e frustrações aniquiladoras?
Mas amar alguém, a paixão, tem esses ingredientes todos!
Só assim seria possível essa espécie de êxtase com que te entregas aos teus devaneios.
Adorei.
Beijos
Vóny Ferreira


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 13/07/2008 01:36  Atualizado: 13/07/2008 01:36
 Re: Azul
Adoro o teu azul...pois azul é o meu mundo! Gosto do que escreves. Tens uma forma unica de trabalhar as palavras. Inconfundivel! Beijo azul