https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Paixão : 

RETRATO DE NU

 
A nudez corre-me nas mãos
no estremecer da caneta,
chegando por todo lado
no branco da minha tela.
Contornos lineares fazem adivinhar
o fogo da carne da tarde quente
deste Verão escaldante.
O corpo refresca no quadro,
de contornos poucos
mas que chegam para as mãos
sentirem toda a sua nudez.
Encarna o amor na ponta dos dedos:
onda branca de espuma firme
(feita de pincel fino)
adivinha a musica que atravessa
a melodia das tintas para o pintor.
Um corpo a outro corpo
se mistura no atelier do retrato
e já não incarna o amor,
apenas os tons rosados,
amarelos e encarnados,
contra um chão da paixão,
onde o olhar gasto se liberta
na respiração de uma cereja
de vermelho vivo perdido no branco.
De novo encarnam lábios beijando
bocas em tão loucos desejos:
feitos de um beijo que não foi pintado.


Jorge Oliveira

VISITE E COMENTE O MEU BLOG

Mais poemas em:


http://afacedossentidos.blogspot.com/

OS MEUS POEMAS SÃO COMO AS MINHAS TELAS. TANTO ME EXALTO NAS MISTURA DAS CORES QUENTES E FRIAS COMO POR VEZES ME REFUGIO NO PRETO E NO BRANCO (OU MISTURO OS DOIS). TANTO EXPRESSO A REALIDADE COMO O ABSTRACTO E O SONHO; A PAIXÃO E AMOR, COMO A DOR E A REVOLTA…
 
Autor
quidam
Autor
 
Texto
Data
Leituras
1144
Favoritos
2
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
18 pontos
2
0
2
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Ledalge
Publicado: 04/08/2008 13:12  Atualizado: 04/08/2008 13:12
Colaborador
Usuário desde: 24/07/2007
Localidade: BRASIL
Mensagens: 6880
 Re: RETRATO DE NU
MEU SACERDOTE AMADO!!! QUANDO EU FALO ISSO É PORQUE FIQUEI MUITO IMPRESSIONADA. O QUE TE DEU HOJE AMIGO? A INSPIRAÇÃO TÁ NA PONTA DOS DEDOS. PARABÉNS! BJS