https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Alegria : 

Arroz Doce

 
Arroz Doce
 
Abre-se em água
ferve-se em leite,
casca de limão
e pau de canela.
Acúcar no fim
pr'a não encruar,
gosto dele morno
o mal que me faz
e o bem que me sabe...

Faço-lhe desenhos,
tento enfeitá-lo
com pó de canela,
doce especiaria,
como gosto dela

É doce, suave
e muito cremoso.
Sigo a receita
da minh'a avó doce,
cumpro a tradição,
já lhe sinto o cheiro,
estão convidados
quer gostem ou não.



Maria Fernanda Reis Esteves
48 anos
Natural: Setúbal
 
Autor
Nanda
Autor
 
Texto
Data
Leituras
3493
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
27 pontos
27
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Andy
Publicado: 30/08/2008 13:27  Atualizado: 30/08/2008 13:27
Colaborador
Usuário desde: 01/08/2007
Localidade: Lisboa
Mensagens: 2165
 Re: Arroz Doce p/ Nanda
...gosto muito!!!
...e gostei de ler o que fazes com o arroz doce!


beijinho!


Enviado por Tópico
Ledalge
Publicado: 30/08/2008 14:19  Atualizado: 30/08/2008 14:19
Colaborador
Usuário desde: 24/07/2007
Localidade: BRASIL
Mensagens: 6880
 Re: Arroz Doce
Mas hoje eu vou fazer um, amiga. Lembrei-me do arroz doce da minha avó Ica. A novidade no teu é a casca de limão. Nanda, especiarias montaram esse belo poema. Um beijo de excelente fim de semana. Núria


Enviado por Tópico
MariaSousa
Publicado: 30/08/2008 14:57  Atualizado: 30/08/2008 14:57
Membro de honra
Usuário desde: 03/03/2007
Localidade: Lisboa
Mensagens: 4096
 Re: Arroz Doce
um bela sobremesa doce e poética.

Toma lá outra
Estava bem a meu gosto,
O almoço que hoje fiz
Por isso vou partilhar
Este simples manjar.

Num almofariz
Pisam-se alhos e sal
Com coentros arranjados
E bem lavados.

Põe-se água a ferver
Onde os ovos vão
Ficar escalfados.

Parte-se em fatias pão,
Alentejano se tiver.
Numa terrina, pode deitar
O conteúdo do almofariz,
Cubra com o azeite que lhe agradar,
Sem exagerar,
Pode misturar,
E a água quente deitar.

Agora,
Pode o pão mergulhar,
E os ovos sobre ele colocar.

Está feito, pode almoçar...

Chama-se açorda de coentros
À alentejana,
Apesar de em Lisboa se dizer
Sopa alentejana,
Como se no Alentejo só pudesse haver
Uma única sopa para comer...


Bjs


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 30/08/2008 17:22  Atualizado: 30/08/2008 17:22
 Re: Arroz Doce
Deste-me fome
Poema apetitoso, mesmo...

Beijo

Enviado por Tópico
Fhatima
Publicado: 30/08/2008 18:18  Atualizado: 30/08/2008 18:18
Colaborador
Usuário desde: 12/02/2008
Localidade: Joinville - SC
Mensagens: 3389
 Re: Arroz Doce
Olá Querida Nanda!

Adoro arroz doce, você fêz um poema tão lindo e como sempre diferente e belo!

Parabéns amiga!

Beijos de luz!

Fhatima


Enviado por Tópico
gil de olive
Publicado: 30/08/2008 18:20  Atualizado: 30/08/2008 18:20
Colaborador
Usuário desde: 03/11/2007
Localidade: Campos do Jordão SP BR
Mensagens: 5046
 Re: Arroz Doce
Ao ler essa delícia me deu água na boca.Ainda bem que tenho aqui uma balinha!


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 30/08/2008 19:08  Atualizado: 30/08/2008 19:08
 Re: Arroz Doce
Nanda,
Musical, cotidiano e delicioso poema!
Poucos conseguem transformar a poesia do dia a dia em poema como fizeste aqui!
Bjins, Betha.


Enviado por Tópico
cleo
Publicado: 31/08/2008 10:27  Atualizado: 31/08/2008 10:27
Luso de Ouro
Usuário desde: 02/03/2007
Localidade: Queluz
Mensagens: 3857
 Re: Arroz Doce
Hum..........
Que poema delicioso!!!

Ora aqui está uma forma de adoçar a alma, logo pela fresquinha da manhã

Beijo


Enviado por Tópico
Gleidston
Publicado: 31/08/2008 11:45  Atualizado: 31/08/2008 11:45
Da casa!
Usuário desde: 12/05/2008
Localidade: Barreiro
Mensagens: 272
 Re: Arroz Doce
minha nossa senhora de guadalupe, agora a fome bateu rsss, Nanda um belo despertar rss, bjiinhs.


Enviado por Tópico
Laura Gil
Publicado: 31/08/2008 12:03  Atualizado: 31/08/2008 12:03
Muito Participativo
Usuário desde: 16/09/2007
Localidade: Porto
Mensagens: 65
 Re: Arroz Doce
Adoro arroz doce. Assim como adorei ler este delicioso poema.

Beijo
Laura


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 31/08/2008 15:13  Atualizado: 31/08/2008 15:13
 Re: Arroz Doce P/NANDA
ESTIMADA AMIGA E ILUSTRE POETA E PASTELEIRA, EMBORA EU NÃO GOSTE DE AROOZ DOCE, ADOREI ESTE SEU BELO POEMA ONDE O CHEIRO DA PRECIOSA CANELA ENTROU BEM FORTE EM MIM.

ESTE SEU POEMA ME FEZ RECUAR MUITOS ANOS EM MINHA VIDA QUANDO A MINHA SAUDOSA AVÓ E MINHA MÃE FAZIA ESSE DELICIOSO DOCE, BEM PORTUGUÊS PARA TODOS NÓS NAS QUADRAS FESTIVAS.

AQUI COMO ARROZ COM ABUNDÂNCIA ARROZ COZIDO NA ÁGUA SEM SAL NEM TEMPEROS, TAL PÃO EM PORTUGAL QUE SERVE DE ACOMPANHAMENTO À COMIDA.

MEUS PARABÉNS POR TER ESSAS MÃOS DE FADA E PREPARAR COM REQUINTE ESSE BELO PRATO QUE NAS MESAS PORTUGUESAS EFEITAM COM CARINHO E MUITO AMOR.

UM ABRAÇO AMIGO.


Enviado por Tópico
fogomaduro
Publicado: 31/08/2008 16:02  Atualizado: 31/08/2008 16:02
Colaborador
Usuário desde: 06/08/2008
Localidade:
Mensagens: 1478
 Re: Arroz Doce
Gosto da sobremesa.
A receita é perfeita.
Até o cheiro daqui.

Apesar de estar distante,
confesso que o provei,
que gostei
e que comi.

DM


Enviado por Tópico
elisabeteluisfialho
Publicado: 31/08/2008 20:48  Atualizado: 31/08/2008 20:48
Da casa!
Usuário desde: 01/07/2008
Localidade: Alcobaça
Mensagens: 464
 Re: Arroz Doce
Eu não me faço rogada
Um prato já levo
Arroz doce feito
Pela minha Nanda adorada.

(ai credo não correu nada bem,mas serve para brincadeira)
Um abraço repulhodo


Enviado por Tópico
RosaMel
Publicado: 31/08/2008 22:25  Atualizado: 31/08/2008 22:25
Colaborador
Usuário desde: 13/06/2008
Localidade: Porto Alegre
Mensagens: 515
 Re: Arroz Doce / p Nanda
Nandinha querida, fim de tarde tô desmantelada de cansada, venho sonhar um pouco com poemas e dou-me de cara com arroz doce!!!!....Isso é covardia ai que vontade me deu...comer quente, gelado com muita canela...hummme o limãozinho então...indispensável.
Delícia minha querida teu prato ficou delicioso e o poema muito saboroso...vou ler novamente.
beijinhos acanelados. Parabéns poetona...
RosaMel