Poemas : 

Cabe ao ser

 
O poema que mais gosto,
Não leram.
A canção que mais escuto,
Não ouviram.
O acto que mais desejo,
Não fizeram.
O presente que mais espero,
Não me entregaram.
O abraço que mais quero,
Não me deram.
O beijo que mais almejo,
Não recebo.
A angustia que mais me aflige
Não percebem.
E assim fora o amor:
O amor que mais amei,
Não amaram...<br />


Antônio Logrado

 
Autor
Antonio Logrado Caeiro
 
Texto
Data
Leituras
923
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
1 pontos
1
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Tytta
Publicado: 17/04/2007 22:58  Atualizado: 17/04/2007 22:58
Colaborador
Usuário desde: 22/02/2007
Localidade: Portugal
Mensagens: 789
 Re: Cabe ao ser
Talvez porque nunca amaram da maneira que voce amou; porque nunca sentiram o que sente!
Amei o poema!
Tytta