https://www.poetris.com/
 
Sonetos : 

O PRIMEIRO ENCONTRO

 
O PRIMEIRO ENCONTRO
=====================

Eu cheguei naquele dia quando todos duvidavam
que eu fosse capaz, meu bem, de cometer tal loucura!
Os meus olhos te buscavam, minhas pernas tremulavam...
Que farei quando encontrar esta doce criatura?

As horas iam passando, minha ânsia aumentava,
eu sentia o coração palpitar dentro do peito...
Cada môça que chegava, eu tremia, eu gelava,
e dizia: - Deus do céu, vou desmaiar, não tem jeito!

Eis que me surge, imponente, teu admirável vulto,
e me sinto impotente...nada falo, só escuto
e te fito, admirado com todo seu esplendor!

E as horas vão passando e a tarde vai findando,
e eu vou admirando, abraçando e te beijando,
bendizendo esta verdade de tu ser meu grande amor!

marinho gil

 
Autor
marinhogil
 
Texto
Data
Leituras
731
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.