https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Sociais : 

Cor púrpura do ferido

 
Cor púrpura do ferido
 
 
Nas mãos tremores
No olhar sentido, dissabores
Segue sentido, adormecido sem dores
Coberto de desgostos e quedo

Num quadro perdido
Pintado na luz do vivido
Apagou-se a chama, ficou ferido
Desprazido, sem ouvir um amigo

Num corredor escuro...
Não quer ver!
Vestido por si
De enojo…
Arrelia…
E Tormento…

Não…
Não ouve um grito…!

Corre aflito,
Sem ver…
A negrura mais cega
Não querer…
Nem ser…

Procurando dentro de um tasco
A luz, num copo que pinga
da cor púrpura do ferido.


Cristina Pinheiro Moita /Mim/

 
Autor
mim
Autor
 
Texto
Data
Leituras
1132
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
23 pontos
23
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
ângelaLugo
Publicado: 16/04/2009 21:19  Atualizado: 16/04/2009 21:19
Colaborador
Usuário desde: 04/09/2006
Localidade: São Paulo - Brasil
Mensagens: 14956
 Re: Cor púrpura do ferido p/ mim
Olá querida amiga

Na tristeza existe também beleza e
o teu poema está profundo e lindo
Adorei também ó vídeo

Beijo no coração


Enviado por Tópico
VónyFerreira
Publicado: 16/04/2009 21:35  Atualizado: 16/04/2009 21:35
Membro de honra
Usuário desde: 14/05/2008
Localidade: Leiria
Mensagens: 9702
 Re: Cor púrpura do ferido
Gostei da profundidade do teu poema, "CACHOPA"!
Destaco...

"Num quadro perdido
Pintado na luz do vivido
Apagou-se a chama, ficou ferido
Desprazido, sem ouvir um amigo"

Infelizmente, há alguns pseu-amigos que primam pela
ausência quando mais precisamos deles.
Beijo,
Vóny Ferreira


Enviado por Tópico
cleo
Publicado: 16/04/2009 22:00  Atualizado: 16/04/2009 22:00
Luso de Ouro
Usuário desde: 02/03/2007
Localidade: Queluz
Mensagens: 3857
 Re: Cor púrpura do ferido
Assustei-me com a lágrima púrpura a despontar daquele beiral ali em cima...

O vídeo não consigo sequer apalpar com o rato(o meu patrão não me deixa).

Mas os copos de cor púrpura, ainda continuam a ser os poços onde se afogam tantas das tristezas que assolam as vidas de muitos...

Beijo


Enviado por Tópico
António MR Martins
Publicado: 16/04/2009 22:24  Atualizado: 16/04/2009 22:24
Colaborador
Usuário desde: 22/09/2008
Localidade: Ansião
Mensagens: 5064
 Re: Cor púrpura do ferido
Prima,

A nostalgia de abreviar sua tristeza num copo de pinga...
Num belíssimo poema.
Beijinho


Enviado por Tópico
Alberto da fonseca
Publicado: 16/04/2009 22:47  Atualizado: 16/04/2009 22:51
Colaborador
Usuário desde: 01/12/2007
Localidade: Natural de Sacavém,residente em Les Vans sul da Ardéche França
Mensagens: 7113
 Re: Cor púrpura do ferido
Desgosto, desgosto
Para dar e vender
Começo pela manhã
Acabo ao Sol-posto
Não paro de beber.

Gosteui muito deste poema e sei a quê ele se refere, paciência, a Águia anda a vor com um grão na asa. não é assim vermelhinha linda?
bjs poetisa
A. da fonseca

Que pena!!!! o patrão da Cleo, não a deixa mexer no rato!!!!


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 16/04/2009 23:08  Atualizado: 16/04/2009 23:08
 Re: Cor púrpura do ferido
Hoje não me ajudaste a esquecer um dia cinzento! Não obstante um poema com o teu estilo habitual

Beijo com carinho



Enviado por Tópico
OctáviodaCunha
Publicado: 16/04/2009 23:17  Atualizado: 16/04/2009 23:17
Muito Participativo
Usuário desde: 24/01/2009
Localidade:
Mensagens: 55
 Re: Cor púrpura do ferido
Olá Mim.

Como sabes não sou de muitas palavras.

Mas tu mereces que te diga:

É um poema profundo que retrata um aspecto social cada vez mais emergente.
Gostei muito!

Beijo


Enviado por Tópico
Nitoviana
Publicado: 16/04/2009 23:22  Atualizado: 16/04/2009 23:22
Colaborador
Usuário desde: 10/04/2009
Localidade:
Mensagens: 648
 Re: Cor púrpura do ferido
Escrita poética bonita, num uso das imagens belo!
Gostei muito de te ler!


Enviado por Tópico
Vera Sousa
Publicado: 16/04/2009 23:31  Atualizado: 16/04/2009 23:31
Membro de honra
Usuário desde: 04/10/2006
Localidade: Amadora
Mensagens: 4100
 Re: Cor púrpura do ferido
Um poema excelente amiga, sobre algo de deve ser falado e bem falado...
Parabéns pelo tema e pelo poema!

(Estes homens é que quando lhes cheira a pinga... entram logo aqui na tasca da Mim )


Beijinhos linda


Enviado por Tópico
luisalpsimoes
Publicado: 17/04/2009 00:48  Atualizado: 17/04/2009 00:48
Colaborador
Usuário desde: 02/03/2009
Localidade: Ansião
Mensagens: 591
 Re: Cor púrpura do ferido
Mim,

Belo poema muito bem construido. Retrata infelizmente uma das tristes molduras humanas.
Gostei imenso.

Beijinhos prima


Enviado por Tópico
Antónia Ruivo
Publicado: 17/04/2009 13:08  Atualizado: 17/04/2009 13:08
Colaborador
Usuário desde: 08/12/2008
Localidade: Vila Viçosa
Mensagens: 3906
 Re: Cor púrpura do ferido
Procurando dentro de um tasco
A luz, num copo que pinga
da cor púrpura do ferido.

Quantos e quantos se entregam a um copo perdido no fundo de um tasco,ás vezes na espera que alguem dê por eles, dorido o teu poema mas muito bonito, beijinhos