https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Saudade : 

De Mim

 
Tags:  amor    saudade    sonho    tempo    sombra    abandono    sono  
 

De Mim


Fico sem palavras e parto no tempo
Como quem se desprende do Mundo
A saudade é sombra onde me sento
No chão que com lágrimas fecundo.
E vivo eu neste silêncio sepultada
Numa quietude, que atormenta meu sono
E a minha verdade é teia emaranhada
Já nada desejo ser.Apenas me abandono!
E nem sequer já sei da minha idade
Ou se permaneço ainda nas minhas raízes
Na moldura do tempo deixo só a saudade
Dos dias vagarosos e felizes.

E é já tão grande a distância a que me encontro?!
Que é como se a Vida tudo me furtasse
Ou me levasse a este desencontro
De mim! E me condenasse.
Mas já nem sequer quero lembrar
Nem meu coração vagabundo quer saber
Se algum dia amor lhe quiseram dar
Ou se escancararam apenas meu ser.

Rumarei no tempo,sem tempo numa viagem que perdura
Só assim meu coração se aquietará!
E na viagem encontrarei a cura
De novo o sonho minha mente, povoará.


Na plenitude da felicidade, cada dia é uma vida inteira.
Johann Wolfgang Von Goethe



 
Autor
rosafogo
Autor
 
Texto
Data
Leituras
577
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
4 pontos
4
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
arfemo
Publicado: 30/07/2009 00:36  Atualizado: 30/07/2009 00:36
Colaborador
Usuário desde: 19/04/2009
Localidade:
Mensagens: 4812
 Re: De Mim
Boa poesia é sempre um convite à partilha e ao convívio. Gostei muito.

arfemo


Enviado por Tópico
António MR Martins
Publicado: 31/07/2009 15:32  Atualizado: 31/07/2009 15:32
Colaborador
Usuário desde: 22/09/2008
Localidade: Ansião
Mensagens: 5058
 Re: De Mim
A esperança é sempre a ultima coisa a desaparecer...

Gostei de ler.
Abraço