https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Desilusão : 

Verdade Crua

 
Tags:  nada    destino    fim    ver    ouvir  
 
Verdade Crua

O Mundo está vazio!
Nada conta! A não ser!?
De nada querer saber
Nada querer ouvir
nem ver!
Morre o rio vermelho
que há em mim.
Morrem as esperanças
por fim.
È o destino?
Mas que ironia!
Um Mundo de paz
isso sim, eu queria.

Já cede a memória
Está a mente vazia
Fim da história.

É esta a verdade crua
Da leitura dum destino
que me põe a alma nua.

rosafogo


Na plenitude da felicidade, cada dia é uma vida inteira.
Johann Wolfgang Von Goethe



 
Autor
rosafogo
Autor
 
Texto
Data
Leituras
574
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
4 pontos
4
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Gyl
Publicado: 11/09/2009 01:29  Atualizado: 11/09/2009 01:29
Membro de honra
Usuário desde: 08/08/2009
Localidade: Brasil
Mensagens: 12318
 Re: Verdade Crua
Sempre gosto muito da tua filosofia e do modo como ver o mundo que nos rodeia. Abraços de carinho!


Enviado por Tópico
ÔNIX
Publicado: 11/09/2009 09:12  Atualizado: 11/09/2009 09:16
Colaborador
Usuário desde: 08/09/2009
Localidade: Lisboa
Mensagens: 2679
 Re: Verdade Crua
O mundo está vazio, de histórias que façam dele um novo mundo

Um bom poema
Gostei de ler

Rosa, obrigada pelo teu carinho

Matilde D'Ônix