http://www.luso-poemas.net/modules/smartsection/item.php?itemid=3049
 
Poemas : 

Cavalgada

 
Como limalha de ouro a areia da estrada
e as pegadas do tempo austeras, perceptíveis.

Em meu peito a curva,
treva que se expande em esse,
o amor titubeando no pó.

Logo à frente um rio há que transborda grande
- em nome de ti -
e cabe inteiro no verde folha morta
do meus olhos.

O cavalo ensaia um recuo
como quem dança de medo
do próximo passo.

 
Autor
Amora
Autor
 
Texto
Data
Leituras
7780
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
16 pontos
16
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
apsferreira
Publicado: 16/10/2010 20:47  Atualizado: 16/10/2010 20:47
Colaborador
Usuário desde: 27/12/2009
Localidade: Ponta Delgada - Açôres - Portugal
Mensagens: 1611
 Re: Cavalgada
Gostei de ler.
A vida impõe reflexão.
Reflexão aponta
caminhos.


Enviado por Tópico
Nanda
Publicado: 16/10/2010 23:31  Atualizado: 16/10/2010 23:31
Colaborador
Usuário desde: 14/08/2007
Localidade: Setúbal
Mensagens: 10964
 Re: Cavalgada
Dorinha,
Os receios que invadem a nossa alma de incertezas.
Muito belo!
Beijinhos
Nanda


Enviado por Tópico
Edilson José
Publicado: 17/10/2010 01:22  Atualizado: 17/10/2010 01:22
Colaborador
Usuário desde: 12/04/2008
Localidade: SP
Mensagens: 5588
 Re: Cavalgada
Prazer em reve-la.
Prazer em rele-la.
Um bj dora!
Edilson


Enviado por Tópico
alikafinotti
Publicado: 17/10/2010 11:06  Atualizado: 17/10/2010 11:06
Muito Participativo
Usuário desde: 01/03/2009
Localidade:
Mensagens: 75
 Re: Cavalgada
a areia como limalha de ouro... que imagem maravilhosa, querida!

na treva do corpo, em seu interior de curvas e esquinas úmidas e vermelhas, uma geometria sagrada ricocheteia nossos lampejos e cria nossas danças minimalistas...

obrigado por existir! um grande abraço!



Enviado por Tópico
Moreno
Publicado: 17/10/2010 11:56  Atualizado: 17/10/2010 11:56
Colaborador
Usuário desde: 09/01/2009
Localidade:
Mensagens: 3486
 Re: Cavalgada
a tua poesia é um rio



beijo


Enviado por Tópico
TRIGO
Publicado: 17/10/2010 17:18  Atualizado: 17/10/2010 17:18
Colaborador
Usuário desde: 26/01/2009
Localidade: Cabeça-Boa - Torre de Moncorvo
Mensagens: 2141
 Re: Cavalgada
...
amora

Em meu peito a curva,
treva que se expande em esse,
o amor titubeando no pó


Não
te assustes. O
próximo passo - tê-lo-ás
do Amor!


beijo



beijo


Enviado por Tópico
laroche_l
Publicado: 24/10/2010 23:43  Atualizado: 24/10/2010 23:43
Colaborador
Usuário desde: 26/02/2010
Localidade:
Mensagens: 706
 Re: Cavalgada
A certeza de ter boa poesia para ler.
Tenho andado arredado, é um facto, mas deliciei-me com este poema.

Quantos rios não sufocam na boca, sedentos de um olhar que seja.

Mito bom.


Enviado por Tópico
ansilgus
Publicado: 06/01/2011 04:15  Atualizado: 06/01/2011 04:15
Participativo
Usuário desde: 09/12/2010
Localidade:
Mensagens: 16
 Re: Cavalgada
Lindo, reflexivo, adorei te ler, poetisa. Quero te dar os meus parabéns e enviar um abraço fraterno de ano novo...felicidade, paz, saúde e sucesso...ansilgus.
Posts relacionados, Plugin for WordPress, Blogger...