http://www.luso-poemas.net/modules/smartsection/item.php?itemid=3049
 
Poemas : 

DESILUSÕES

 
DESILUSÕES
© Magroalmeida

Contemplando a fumaça deste maldito cigarro
perco-me na imensidão da minha tristeza
e vejo, na esteira das minhas recordações,
retalhos amontoados dos tempos de paz
onde o amor dava-me uma imensa
alegria de viver.

Hoje, de mãos dadas com a saudade,
caminho sem destino tentando conter
lágrimas teimosas que rolam por minha face.

Lamento o tempo perdido e
sinto feridas cicatrizadas serem reabertas
pelas lembranças que me conduzem
a essa estrada, margeada por pedras soltas,
onde repousam as minhas recordações.

Nelas vislumbro pequenas visões
de sonhos interrompidos e muitos retalhos esfarrapados
de um amor fracassado. Diluído pelo tempo e derrotado
pelas mágoas, decepções e ressentimentos
que tatuaram marcas profundas em minha alma.

Perdido nessas lembranças,
fixo o olhar no horizonte e entrego-me a devaneios
que só minha alma conhece.

Um misto de tristeza e saudade me conduz
aos áureos tempos em que ostentava
e habitei um coração apaixonado.

Recordo momentos felizes que um dia
escreví na história de minha vida e
sinto um imenso vazio no fundo do meu ser.

Como botões que jamais se abrirão em rosas,
fecho-me em carinhos contidos que
hoje são meros frutos de uma safra sem colheita
e percebo, enfim, que tudo acabou...

© Magno R Almeida
---------------------------------------
Obra registrada na Biblioteca Nacional
e protegida pela Lei 9610 de 19/02/1998

---------------------------------------
 
Autor
MagnoRobertoAlmeida
 
Texto
Data
Leituras
12088
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
6 pontos
6
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 20/05/2007 14:37  Atualizado: 20/05/2007 14:37
 Re: DESILUSÕES
É uma enrome desilusão.
É um apagar das nossas Vidas através de um vazio que nos deixa transparente numa vida, que deixa de ter significado algum, após tantos sentimentos passados e não bem aceites por outrem, e assim, ficamos sozinhos sem nada para nos aconchegar.



Enviado por Tópico
goretidias
Publicado: 20/05/2007 14:40  Atualizado: 20/05/2007 14:40
Colaborador
Usuário desde: 08/04/2007
Localidade: Porto
Mensagens: 1237
 Re: DESILUSÕES
Profundamente triste, mas simplesmente belo!
Um abraço


Enviado por Tópico
Angela
Publicado: 20/05/2007 18:57  Atualizado: 20/05/2007 18:57
Colaborador
Usuário desde: 28/09/2006
Localidade: Caldas da Rainha
Mensagens: 567
 Re: DESILUSÕES
Sim, as desilusões fazem-nos pensar que tudo acabou, que nada mais vale a pena e se nos entregarmos a esse sentimento, dificilmente podemos receber a felicidade e a alegria que nos rodeiam porque, apesar de não as vermos, elas estão presentes. Nós é que nos fechamos mas os botões de rosa acabam sempre por desabrochar. Por vezes, precisam é de um pouco mais de calor.

Adorei o teu poema.

Um beijinho.
Posts relacionados, Plugin for WordPress, Blogger...