Luso-Poemas
Registe-se agora!     Login

Links patrocinados



Utilidades

Consultar

Outros

Quem está aqui

190 visitantes online (116 na seção: Poemas e Frases)

Lusuários: 3
Leitores: 187

Azke, Luasdepapel, Sterea, mais...

Licença

Licença Creative Commons

Proteção anti-cópia

Protegendo os seus poemas com Tynt

« 1 ... 83 84 85 (86) 87 88 89 ... 109 »
Offline AjAraujo Poemas -> Reflexão Chuvas de verão
Chuvas de verão A tarde cai no ritmo lento dos autos presos em fila indiana... A tarde cai o cr...
Enviado por AjAraujo
em 26/01/2010 23:15:07
Offline AjAraujo Poemas -> Alegria A vida é uma seresta (tributo a Conservatória)
A vida seria uma festa Se fosse vivida em seresta Se teu coração sem arestas O amor deixe o cora...
Enviado por AjAraujo
em 26/01/2010 10:54:07
Offline AjAraujo Poemas -> Esperança Vale a pena viver...
Alguns desafios surgem, como que do nada, Outros se tornam inusitados, surpresas ao nosso olhar...
Enviado por AjAraujo
em 26/01/2010 10:48:31
Offline AjAraujo Haikais Direção da vida
Vivo em busca de algum sentido, Pra vida ter um significado, Pra caminhada ter uma direção.
Enviado por AjAraujo
em 26/01/2010 10:39:12
Offline AjAraujo Poemas -> Reflexão Haiti: zelemos por suas sementes.
Para onde miras Haiti do belo Caribe? Em meio a destruição, tristeza e mortes haverá esperança ...
Enviado por AjAraujo
em 25/01/2010 12:47:56
Offline AjAraujo Haikais Que amores inspiras?
Para onde miras, no horizonte de teu olhar? que tempos, passagens, amores inspiras?
Enviado por AjAraujo
em 25/01/2010 12:45:52
Offline AjAraujo Poemas -> Dedicatória Ainda são crianças...
Ainda... brincam de roda pulam corda Ainda... pulam os muros correm pelos campos Ainda... solta...
Enviado por AjAraujo
em 25/01/2010 12:41:58
Offline AjAraujo Poemas -> Dedicatória Telas e cenas de vida (tributo aos pintores)
Aprecio demasiado o esforço empreendido por anônimos ou famosos artistas em retratar nas telas os...
Enviado por AjAraujo
em 24/01/2010 23:48:37
Offline AjAraujo Poemas -> Reflexão O homem: sua escolha e seu caminho!
O homem, seu caminho suas escolhas, seu destino A verdade, a busca Ou, a mentira, a acomodação ...
Enviado por AjAraujo
em 24/01/2010 23:45:30
Offline AjAraujo Poemas -> Dedicatória Artistas de rua
Encontro, em cada cruzamento, nas esquinas, formas nas ruas Encontro, caricaturas de gente, arti...
Enviado por AjAraujo
em 24/01/2010 23:41:55
Offline AjAraujo Poemas -> Amor O amor é indivisível
Um verso, um terço. Uma canção, Uma menção. Apenas uma folha solta no tempo, Apenas uma bolha d...
Enviado por AjAraujo
em 23/01/2010 10:08:15
Offline AjAraujo Poemas -> Amor Viva teu fugaz momento
Viva seu fugaz momento, e depois, canta, canta, canta... qual cigarra na primavera seu amor doce ...
Enviado por AjAraujo
em 23/01/2010 10:01:17
Offline AjAraujo Poemas -> Amor Coração pescador
Coração, fala, canta, é este o instante pleno, lança teu apelo pelo campo. Coração, sístole, diá...
Enviado por AjAraujo
em 22/01/2010 15:37:39
Offline AjAraujo Poemas -> Amor Noites de amor e lua cheia
Nas noites de lua cheia que o mar murmura, nas rochas seu pranto nas marés, suas náuseas Nas noi...
Enviado por AjAraujo
em 22/01/2010 15:28:51
Offline AjAraujo Poemas -> Amor Nosso recanto
O suave balouçar de seu corpo no espaço da irrupção do amor no momento da paixão da dor no instan...
Enviado por AjAraujo
em 22/01/2010 15:15:38
Offline AjAraujo Poemas -> Dedicatória O genial Carlitos (tributo a Chaplin)
C aro Carlitos, H ino de todos que creem A mar, viver, sorrir, ser alguém P elas mais tortuosa...
Enviado por AjAraujo
em 22/01/2010 02:07:55
Offline AjAraujo Poemas -> Reflexão Guerra fria
Existe sempre um mito e um rito: um ídolo, um perseguido um líder, um liderado um tudo, um nada ...
Enviado por AjAraujo
em 22/01/2010 01:58:50
Offline AjAraujo Poemas -> Dedicatória Criança, símbolo da vida
Acima, de todos os muros, os saltos Por sobre os teleféricos, os aviões Acima das leis, da justiç...
Enviado por AjAraujo
em 22/01/2010 01:37:53
Offline AjAraujo Poemas -> Sociais Sem terra
Nestes dias sombrios, O açoite dos ventos traz na noite frio cortante, o inverno chega lentamente...
Enviado por AjAraujo
em 21/01/2010 11:55:31
Offline AjAraujo Poemas -> Alegria O vôo da gaivota
O canto no vento ecoa traz teu rastro, teu aroma lição de vida, teu vôo plaina e desafi...
Enviado por AjAraujo
em 21/01/2010 11:37:16
« 1 ... 83 84 85 (86) 87 88 89 ... 109 »

Login

Usuário:

Senha:

Lembrar-se



Esqueceu a senha?

Cadastre-se agora.

Leia também

Comentários Recentes

Luso Pensamentos

Frase

É incrível que, no intuito de justificar as nossas crenças, coloquemos Deus na terra e o Homem no céu

(Garrido)



A folha

A folha cai no verão.
( Era folha de papel)
Não consigo pegá-la
Porque o vento é forte
E me leva para longe.

Matheus



Insanidade perfeita

Sinto-me cansada
Já me faltam as palavras!
As que saboreio entre dissabores
Da minha própria loucura
Já não sinto o meu corpo
As vogais consomem-no
Adormece em brandas consoantes
Ficam tantas frases por dizer
Aquelas,
Que já não consigo escrever,
Falta-me a força
A caneta começa a tremer
Soluça.
O meu olhar constrói
O que meu pensamento rejeita
Esta sou eu,
A doce mulher
A insana, poeta...

(ConceiçãoB)



Tempestades

Tudo em mim, são dias de tempestades...
Por isso entrego minha alma à poesia
E meus dias a escrever versos
E meto uns poemas em velhas garrafas
E as levo para as águas intermináveis dos mares
- revoltos e tristes -
E as lanço, na singela esperança
De que um dia alguém os leia
Ainda que meus pés não estejam mais sobre este chão
E meu corpo tenha sido já lançado no ventre desta terra impura
E minha alma tenha também partido
- para a imensidão do infinito com que sonho,
ou para o abismo solitário que me amendronta...

(Vanessa Marques)


vaga-lume

... beijar-te

- era ser
pássaro azul
dedilhando ugabe

era levitar
beber das nuvens
e desfolhar os céus

era um doce caminhar
sem tocar o chão
estirpes desaguando
em aljôfar...

era dédalo a calar-me
se acontecia
cascata de sonhar-me
na boca que feliz
se fenecia

- e era livre
sendo chama
toda asas
vaga-lume
brilhante
como quem ama.

(RoqueSilveira)


Nós de poesia

A vida é feita de incompletudes...
Como os bares de mesas vazias
Nas calçadas
Ou as longas estradas
Repletas de nada dos dois lados

Ainda assim, escrevo
Mesmo sabendo que em mim
desatam-se nós de poesia
E atam-se outros em seguida.

O fato é que
Daquilo que me resta
Faço-me humanamente completa
meramente humana...

(Vanessa Marques)



Frase

"Amor" é o presente dado sem esperança de retorno,
e o que esperamos é apenas que não seja rejeitado

(Junior A.)



Frase

Como posso explicar
Esta dor
Invasora
Da minha alma
Senão dizer
Que és a mentira
Mais verdadeira
Da minha vida...?

(Raquel Naranjo)



Frase

O amor é como a justiça:
Injusto e cego.

(TrabisDeMentia)



guardanapos

do nosso beijo,
muralhas

do nosso amor,
migalhas

do nosso verbo,
mortalhas

dos nossos papos
poemas
em guardanapos

(Niké)



Sexto sentido

Tenta ouvir o silêncio...
Ver a luz na escuridão profunda...
Cheirar o aroma da mais pura água...
Sentir a textura do vento...
Saborear a doçura do sal...
Quando o conseguires...
Irás te descobrir...

(gera)



Só saudade

Dor que sente
Dor que não se mede
Que vai e vem

Com a vida vou rolando
Com a dor vou buscando
Talvez alívio...

Quando doer que seja
Sem deixar morrer
Só saudade...

(amasol)



A foz

Se cada coisinha que eu sei correspondesse a um rio... E se cada um deles desaguasse na mesma foz...Esta não teria senão o tamanho de uma bacia bem pequenina na qual eu refresco os meus cansados pés. Os rios seriam tão curtos quanto a minha felicidade, tão estreitos quanto a minha existência, tão secos quanto a minha solidão. Mas talvez, talvez bem no fundo da bacia, talvez para lá das lágrimas turvas, e para que eu me possa orgulhar, talvez sorriam dois peixinhos, que eu, apesar da distância possa contemplar! E quem sabe... Uma flor se incline e faça nascer, na foz uma flor que eu possa colher!

(TrabisDeMentia)
Posts relacionados, Plugin for WordPress, Blogger...