https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Bilhete

 
Para uns um barco
Lento,
Para outros avião
Apressado,
Para os demais comboio
Regular,

Não tem porto ou aeroporto
Nem pára na estação

É qualquer coisa sentida
Por vezes perdida
Bilhete? Só de ida.
Sem retorno
A vida.

 
Autor
Baguera
Autor
 
Texto
Data
Leituras
885
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
5 pontos
5
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Paloma Stella
Publicado: 25/07/2007 19:25  Atualizado: 25/07/2007 19:25
Colaborador
Usuário desde: 23/07/2006
Localidade: Barueri - SP
Mensagens: 3514
 Re: Bilhete
Parei..
Pensei...
Entendi que a vida não tem volta.
Uma vez que se foi vivida, não tem como trazer tudo de volta.

Beijinhos

Muito bom poema.

Enviado por Tópico
Baguera
Publicado: 25/07/2007 19:31  Atualizado: 25/07/2007 19:31
Super Participativo
Usuário desde: 28/04/2006
Localidade: LX
Mensagens: 103
 Re: Bilhete
muito obrigada às duas :)



Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 26/07/2007 00:04  Atualizado: 26/07/2007 00:04
 Re: Bilhete
a metáfora do tempo que não pára aqui muito bem tratada! gostei do ritmo :)

Enviado por Tópico
Saturnino
Publicado: 27/07/2007 15:31  Atualizado: 27/07/2007 15:31
Muito Participativo
Usuário desde: 23/07/2007
Localidade: Fx
Mensagens: 86
 Re: Bilhete
A precariedade e inexorabilidade da vida e a inevitabilidade da morte tratadas neste poema de forma muito original.

Muito bom mesmo!

S.