https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Julgamento

 
-Este ai não é poeta!
Dizia um me vendo de longe
-Não é nem nunca será!
Dizia outro um pouco mais tenso
Apontavam dedos e olhos
Se aglomeravam aos montes
E o Juiz contraditório
Gritava pedindo silêncio.

Em minha defesa pequenas palavras
Brincavam de ser poesia
A acusação mastigava o Aurélio
E cuspia frases vazias

Alimentava seus argumentos
Com lavagem de rimas e sobra
Por fim me julgaram culpado
Por roubar minha própria sombra.


Serafim de Dias Santos

 
Autor
SerafimdosSantos
 
Texto
Data
Leituras
521
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
2 pontos
2
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Inspiração_Estelar
Publicado: 07/07/2010 00:27  Atualizado: 07/07/2010 00:27
Da casa!
Usuário desde: 15/05/2010
Localidade: Portugal
Mensagens: 330
 Re: Julgamento
A prisão de um poeta, a quem adivinho um futuro brilhante na poesia.

Beijinhos

Inspiração

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 07/07/2010 00:57  Atualizado: 07/07/2010 00:57
 Re: Julgamento
QUAL FOI TEU INTERESSE NO ROUBAR TUA SOMBRA?

NÃO RESPONDA PRA MIM, GUARDA PRA VOCE.

GOSTEI DEMAIS DESSE SEU POEMA, GOSTEI MESMO.

ABRAÇOS - PEDRO