https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Introspecção : 

Frágil...eu?

 
Tags:  fragilidade    vulnerabilidade  
 
Frágil...eu?
 
Frágil?
Que nada!
Eu sou, é uma torre!

Não sou de mim carcereira
Nem isco de vulnerabilidade
Só faço na vida o que me der na telha
Crio crosta, carapaça
Iço a bandeira da liberdade

Amadureci refinada
Nada ou ninguém me subjuga
Já perdi colo de mãe
mas, em mim encontro morada

Lá fora paira a decepção
A paz trago armazenada
O meu eu já se completa
Recuso ser solitária

Para voar e ir mais longe
basta-me a revoada
da luz do meu pensamento

Maria Fernanda Reis Esteves
50 anos
natural: Setúbal
 
Autor
Nanda
Autor
 
Texto
Data
Leituras
1578
Favoritos
2
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
35 pontos
19
0
2
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 27/08/2010 09:31  Atualizado: 27/08/2010 09:31
 Re: Frágil...eu? P/ Nanda
Nanda , UMA TORRE ! Nem mais , Afirmas sem equívoco ! É essa frontaldade que te faz forte, sem dúvida !Citando:
basta-me a revoada da luz do meu pensamento

Concordo plenamente e encerras com chave valiosa!

Beijo

Enviado por Tópico
NEUSA
Publicado: 27/08/2010 09:32  Atualizado: 27/08/2010 09:32
Colaborador
Usuário desde: 19/05/2010
Localidade: Rio Verde - Goiás Brasil
Mensagens: 1431
 Re: Frágil...eu?
Nas fortes torres que se firmam as belas poesias.
Beijo Nanda
Neusa

Enviado por Tópico
ÔNIX
Publicado: 27/08/2010 09:49  Atualizado: 27/08/2010 09:49
Colaborador
Usuário desde: 08/09/2009
Localidade: Lisboa
Mensagens: 2695
 Re: Frágil...eu?
Entendo-te ou penso que entendo.
Mas nem sempre muitos dos nossos encontros nos trazem paz e só a conseguimos, quando revolvemos a terra onde deixaram pegadas ao encontro de qualquer vestígio, onde more a boa vontade.

beijos Nanda

Dolores Marques

Enviado por Tópico
saozinha
Publicado: 27/08/2010 10:06  Atualizado: 27/08/2010 10:06
Colaborador
Usuário desde: 09/08/2008
Localidade:
Mensagens: 1606
 Re: Frágil...eu?
Para voar e ir mais longe
basta-me a revoada
da luz do meu pensamento



Nanda.

Gostei muito deste seu poema,e gosto de saber que a luz do pensamento é um guia de ilumina tanta gente nessa sua viagem interior.

Beijo

Enviado por Tópico
VónyFerreira
Publicado: 27/08/2010 12:01  Atualizado: 27/08/2010 12:01
Membro de honra
Usuário desde: 14/05/2008
Localidade: Leiria
Mensagens: 9702
 Re: Frágil...eu?
Ah Nanda,
este juro, queria ter sido eu a escrever! rs
Beijoca
Vóny Ferreira
[quote]Não sou de mim carcereira Nem isco de vulnerabilidade Só faço na vida o que me der na telha Crio crosta, carapaça Iço a bandeira da liberdade

Enviado por Tópico
rosafogo
Publicado: 27/08/2010 14:17  Atualizado: 27/08/2010 14:17
Colaborador
Usuário desde: 28/07/2009
Localidade:
Mensagens: 9599
 Re: Frágil...eu?
Belo teu poema!
Eu não sou tão forte, aceito a solidão me dou bem com ela, mas não dispenso a liberdade.

beijinho Nandinha, fica bem.

Enviado por Tópico
MelMartins
Publicado: 27/08/2010 16:51  Atualizado: 27/08/2010 16:51
Colaborador
Usuário desde: 02/06/2010
Localidade:
Mensagens: 941
 Re: Frágil...eu?P/Nanda
Vejo-me no teu poema e fico aqui a contemplar minuciosamente a beleza de cada sentido que se identifica comigo.

CORAJOSA!

Beijinhos

Alice Barros

Enviado por Tópico
carolcarolina
Publicado: 27/08/2010 17:35  Atualizado: 27/08/2010 19:44
Colaborador
Usuário desde: 24/01/2010
Localidade: RS/Brasil
Mensagens: 9297
 Re: Frágil...eu?
Querida Amiga
Poetisa Nanda!

Que exemplo nos passa de vida.
Uma mulher forte e corajosa que encontra morada em si mesma.
Belo e forte como és tu é teu poema!
Bjinhos
♫Carol

Enviado por Tópico
Maribel
Publicado: 27/08/2010 17:45  Atualizado: 27/08/2010 17:45
Da casa!
Usuário desde: 21/08/2010
Localidade: Venho do mar
Mensagens: 261
 Re: Frágil...eu?/ Para Nanda
Nem mais minha querida, lindo demais ... Me vejo aqui e me fez lembrar Adélia Prado:



Quando nasci um anjo esbelto,
desses que tocam trombeta, anunciou:
vai carregar bandeira.
Cargo muito pesado pra mulher,
esta espécie ainda envergonhada.
Aceito os subterfúgios que me cabem,
sem precisar mentir.
Não sou tão feia que não possa casar,
acho o Rio de Janeiro uma beleza e
ora sim, ora não, creio em parto sem dor.
Mas o que sinto escrevo. Cumpro a sina.
Inauguro linhagens, fundo reinos
-- dor não é amargura.
Minha tristeza não tem pedigree,
já a minha vontade de alegria,
sua raiz vai ao meu mil avô.
Vai ser coxo na vida é maldição pra homem.
Mulher é desdobrável. Eu sou.

Adélia Prado

Beijinhos doces e poéticos...;))

Enviado por Tópico
eduardas
Publicado: 27/08/2010 18:01  Atualizado: 27/08/2010 18:01
Colaborador
Usuário desde: 19/10/2008
Localidade: Lisboa
Mensagens: 3731
 Re: Frágil...eu? p/Nanda
A fortaleza na liberdade, a verticalidade de ousar ser.

Um poema forte que muito diz de quem o escreve.

bj
Eduarda

Enviado por Tópico
GeMuniz
Publicado: 27/08/2010 19:33  Atualizado: 27/08/2010 19:33
Colaborador
Usuário desde: 11/08/2010
Localidade: Brasil
Mensagens: 7283
 Re: Frágil...eu?
A fortaleza se constrói do centro, das pilastras para fora!

bj poeta!

Enviado por Tópico
TRIGO
Publicado: 28/08/2010 15:26  Atualizado: 28/08/2010 15:26
Colaborador
Usuário desde: 26/01/2009
Localidade: Cabeça-Boa - Torre de Moncorvo
Mensagens: 2299
 Re: Frágil...eu?
...
olá nanda

Frágil?
Que nada!
Eu sou, é uma torre!


Se
assim, fosse: o mundo seria mais
Igual ...




beijo

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 28/08/2010 18:18  Atualizado: 28/08/2010 18:18
 Re: Frágil...eu?
Hummm...Nanda! Me identifiquei e muito neste teu maravilhoso poetar...Lindo demais!

bjos!

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 28/08/2010 21:06  Atualizado: 28/08/2010 21:06
 Re: Frágil...eu?
Citando:
Não sou de mim carcereira Nem isco de vulnerabilidade Só faço na vida o que me der na telha Crio crosta, carapaça Iço a bandeira da liberdade


Corajosa mulher. Que bom que és assim amiga. Fica aqui a minha admiração, pela a beleza poética.

Beijo

Rosangela

Enviado por Tópico
samanthabeduschi
Publicado: 29/08/2010 16:07  Atualizado: 29/08/2010 16:07
Da casa!
Usuário desde: 09/07/2009
Localidade: Curitiba - Brasil
Mensagens: 426
 Re: Frágil...eu?
Somos mulheres fortes e decididas! Só precisamos de nós mesmas e de Deus!

Amei a força e a beleza da tua poesia!

Beijos
Samantha

Enviado por Tópico
anakosby
Publicado: 29/08/2010 21:42  Atualizado: 29/08/2010 21:42
Colaborador
Usuário desde: 12/04/2010
Localidade: Torres
Mensagens: 1739
 Re: Frágil...eu?
Eu quero, eu quero!!!!
Eu quero ser assim...
(se bobear, acho que já sou!)

Beijo, adorei mesmo, levo comigo!

Enviado por Tópico
Vania Lopez
Publicado: 29/08/2010 23:25  Atualizado: 29/08/2010 23:25
Colaborador
Usuário desde: 25/01/2009
Localidade: Pouso Alegre - MG
Mensagens: 17658
 Re: Frágil...eu?
E ainda temos a fama de ser sexo frágil...rsrsrsrs!
Se gostei? Abençoada Nanda. bjs pra ti

Enviado por Tópico
cintilante
Publicado: 09/09/2010 17:03  Atualizado: 09/09/2010 17:03
Participativo
Usuário desde: 13/07/2010
Localidade:
Mensagens: 19
 Re: Frágil...eu?
Aqui esta um belo poema que me fez reflectir, Parabens e continue.
bj

Enviado por Tópico
Nanda
Publicado: 26/10/2010 23:05  Atualizado: 26/10/2010 23:05
Colaborador
Usuário desde: 14/08/2007
Localidade: Setúbal
Mensagens: 11186
 Re: Frágil...eu?
Obrigada por me acarinharem sempre.
Bjs
nanda