https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

SER DIFERENTE

 
Tens sido uma pedra no caminho das serpentes
Que por ti vão passando deixando a sua pestilência
Nem queres ser obstáculo, queres estar presente
Verdadeira e orgulhosa da tua plena coerência

Tu queres paz, queres identidade e muito amor
Queres o que todos querem, precisamente
Mas catalogaram-te, estendem-te o indicador
És isto e mais aquilo, açoitam-te mordazmente

Por ti me curvo, fascinada por fazeres a diferença
Por ficares à parte dos risos e da maledicência
E estares imunizada a toda e qualquer sentença

Coragem, ousadia, certeza… são rios no teu peito
Os sofrimentos que te infligem avivam-te a inocência
E olhas para as nuvens, altiva a todo o preconceito

 
Autor
MarisaSoveral
 
Texto
Data
Leituras
1056
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
11 pontos
3
0
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
mariacarla
Publicado: 24/09/2010 18:51  Atualizado: 24/09/2010 18:52
Super Participativo
Usuário desde: 03/05/2010
Localidade: Coimbra
Mensagens: 108
 Re: SER DIFERENTE
Um poema realmente muito forte e significativo exemplo a seguir por estes caminhos da vida com que muitas vezes nos deparamos. Ser igual e ser diferente ao mesmo tempo que vamos impondo luta própria na vontade dos outros.

Sem se encontrarem facilidades...

Levo comigo.

Beijo

Enviado por Tópico
celiacc
Publicado: 24/09/2010 18:57  Atualizado: 24/09/2010 18:57
Colaborador
Usuário desde: 27/12/2008
Localidade: Setúbal - Portugal
Mensagens: 2392
 Re: SER DIFERENTE
Parabéns!

Como costuma dizer um "diferente":
SER DIFERENTE É SER GENTE!

E é preciso lutar para que assim seja.
Também eu me curvo perante a coragem de quem é capaz de encarar a diferença.

Obrigada por este lindo poema

beij.
célia

Enviado por Tópico
Runa
Publicado: 24/09/2010 21:17  Atualizado: 24/09/2010 21:18
Colaborador
Usuário desde: 24/04/2010
Localidade: Santo Antonio Cavaleiros
Mensagens: 1177
 Re: SER DIFERENTE
Normalmente, quem é diferente e afirma a sua força de carácter, é sempre apontado pelos outros, aqueles que não são capazes de escapar à dormência da corrente e que se limitam a balir, no meio do rebanho. Viva a diferença.


Beijos