https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

GRAVIDADE

 
Tags:  pensamento  
 
.


Gê Muniz

GRAVIDADE

nem honradez,
nem missão,
nem altivez,
nem liberdade
ou vocação

apenas
encostar a cabeça
numa grade,
de tarde,
ao final

sentir
à face
a água da chuva
ou a que
dos olhos caem

...tanto faz...

Importante
é que o
pensamento
morra

E a água
escorra
uniforme
conforme à
lei da gravidade
 
Autor
GeMuniz
Autor
 
Texto
Data
Leituras
1260
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
12 pontos
12
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
JBMendes
Publicado: 13/10/2010 19:10  Atualizado: 13/10/2010 19:10
Colaborador
Usuário desde: 13/02/2010
Localidade:
Mensagens: 5222
 Re: GRAVIDADE
R Prezado Ge O peensamento tem a gravidade da indiferença do correr das águas ´Linda a sua poesia.
Um abraçoo fraterno.
JBMendes
-


Enviado por Tópico
carolcarolina
Publicado: 13/10/2010 19:33  Atualizado: 13/10/2010 19:33
Colaborador
Usuário desde: 24/01/2010
Localidade: RS/Brasil
Mensagens: 9297
 Re: GRAVIDADE
Amigo Poeta
Gê!

Encostar a cabeça numa grade e deixar a água da chuva ou as lágrimas escorrerem.
Creio que tanto faz, ela não lava nossas magoas.
Acredito que o que muda é estarmos molhados.
Será que entendi poeta srsrsrs
Bjo no coração
♫Carol


Enviado por Tópico
VónyFerreira
Publicado: 13/10/2010 20:39  Atualizado: 13/10/2010 20:39
Membro de honra
Usuário desde: 14/05/2008
Localidade: Leiria
Mensagens: 9702
 Re: GRAVIDADE
Muito, muito interessante
a tua forma de falar
nos teus sentimentos.
Gosto de te ler.
Bj
Vóny Ferreira


Enviado por Tópico
varenka
Publicado: 13/10/2010 22:30  Atualizado: 13/10/2010 22:30
Colaborador
Usuário desde: 10/12/2009
Localidade:
Mensagens: 4211
 Re: GRAVIDADE
Ao teu estilo um belo pensamento!!!


Abraço
Varenka


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 14/10/2010 02:18  Atualizado: 14/10/2010 02:18
 Re: GRAVIDADE
e há gravidade, que de tanta gravidade, não obedece a nenhuma lei...é quando se secam os rios e se formam as nuvens, seja no céu, seja na cabeça.

abraço
nuno


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 14/10/2010 10:57  Atualizado: 14/10/2010 10:57
 Re: GRAVIDADE
Um pranto subtil, um poema belo! Abracos!