https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Amor : 

Sem ti…

 
Sem ti…
 
Vieste anjo caído em noite serena
Aguardavas-me há muito nos teus braços
Granjeando um sentido para esta permanência terrena
Como se eu te conhecesse de outrora

Em cada palavra tua o meu acenar ligeiro de cabeça
Em acordo de almas que pairam
Num mesmo planalto de sombras
Em que os seres humanos se tornaram

Reivindicas um amor que esmoreceu há muito
Porque os homens se perderam na imensidão
De um oceano de trevas e desvirtudes
Em céus cinzentos de insatisfação crescente
Agarrando-se como lapas à ferrugem dos tempos
Aos jogos de embriaguez animal
Em orgias de serpentes num emaranhados de viscosidades
Em delírio do rasteiro

Ah como nos perdemos em caminhos remotos
Agitados nas teias mundanas
Na embarcação da luxúria
Em toques de frieza carnal
E a tua alma que agonizava
E a minha alma que entristecia
Mas era a tua que intensamente por dentro amava
E a minha que veementemente para si própria mentia!

E veio a noite
E se fez dia
E nasceu a lua anunciando os novos tempos!
E as mãos que se procuram transformando em calor a maresia
E os abraços embalando corpos em gestos de carinho, lentos
E as caminhadas paralelas ao mar
Inebriando-nos os sentidos na dimensão do ser
E a chuva que cai em gotas suaves
Nas nossas cabeças qual dança abençoada
E os lábios que se unem, qual toque florido em pele molhada!
Sem ti
O tempo seria a eterna repetição do nada!

 
Autor
AnaMariaOliveira
 
Texto
Data
Leituras
650
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
2 pontos
2
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
varenka
Publicado: 17/10/2010 16:00  Atualizado: 17/10/2010 16:00
Colaborador
Usuário desde: 10/12/2009
Localidade:
Mensagens: 4211
 Re: Sem ti…
Bela inspiração!!!Um amor eterno!!!Gostei muito!!!


Bjs
Varenka

Enviado por Tópico
FalcãoSR
Publicado: 02/05/2011 08:11  Atualizado: 02/05/2011 08:11
Colaborador
Usuário desde: 30/06/2006
Localidade: Rio de Janeiro
Mensagens: 2785
 Re: Sem ti…
"Sem ti
O tempo seria a eterna repetição do nada!"


Para fazer por merecer tão bela declaração de amor é preciso ser mesmo muito especial.

Beijo